Vilas
Últimos assuntos
» Passeio -- Akihito
por Zinos Hoje à(s) 1:36 am

» Passeio de Yuuko - De volta a Ativa
por Zinos Hoje à(s) 1:10 am

» Mestra e discípulo- Conhecendo Uchiha Sanryuu
por Fairy Hoje à(s) 12:11 am

» Descoberta de poderes
por Choxi Ontem à(s) 11:22 pm

» Missão Rank B
por Yuuko Kanoe Ontem à(s) 7:45 pm

» Missão - Nagato
por Fairy Ontem à(s) 12:02 am

» Passeio - Eu sou um demônio?!
por Fairy 23/5/2017, 11:57 pm

» O grandioso pequeno futuro espadachim de Kirigakure
por Choxi 23/5/2017, 11:09 pm

» Pressionado ao extremo...em busca de ajuda!
por Yuuko Kanoe 23/5/2017, 9:15 pm

Parceiros











AoTAoT
Naruto Fase X Jogo e sistemas Grupo FX - © CopyRight 2008/2016 - Todos os direitos reservados. Personagens e desenhos © CopyRight 2002 by Masashi Kishimoto - Todos os direitos reservados.

Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Página 7 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 27/2/2017, 4:02 am

Relembrando a primeira mensagem :


"Meus treinos demoraram mais do que pensei..."
"Será que ainda vale a pena ir atras dele?"
"Faz tanto tempo..."


Muito tempo se passa depois da ultima missão, a recuperação foi bastante lenta, os ferimentos não eram nada simples, mas hoje todos estavam curados, a unica lembrança da missão era a cicatriz que eu tinha no rosto, bem na bochecha, um corte bem grande por sinal. Estava em casa como sempre, deitada na cama, com mais preguiça que o normal, o tempo parada havia me deixado entediada e precisava entrar em forma ou os anos iam começar a pesar no corpo, eu ja não era mais tão nova. Olhei para o lado e vi na comoda a carta que recebi delas há anos... só isso foi o bastante para me fazer levantar da cama, trocar de roupa colocando uma camisa de mangas longas para esconder o lançador e descer as escadas, para ir a sala. Minha arma estava no lugar de sempre, porém cheia de poeira. A peguei e sentei no sofá para a limpar e voltar a dar o brilho que ela sempre teve. Enquanto limpava, ficava a pensar no que deveria fazer, por onde começar a ir e juntar as ultimas partes do quebra cabeças que envolve a Akatsuki.

Yuuko
-- Anjo? Ibuki?
-- Ainda esta aqui?
-- Será que os cupins acabaram com ela...
-- Ou desmontou de tedio...

Os assuntos das vila e da aliança, me impediram de manter parte do meu foco na Akatsuki, provavelmente Ibuki não devia estar la muito feliz com isso, mas agora que os assuntos da vila praticamente estão resolvidos, posso voltar a minha atenção a ela, e claro aos espadachins. Já não tinha mais esperança de ver Aô depois de tantos anos, logo praticamente estava assumindo seu lugar. Entre um suspiro e outro esperava Ibuki aparecer na sala.

Yuuko
-- Vamos lá!
-- Ainda temos que equipar você.
-- Ao menos bastante roupa você tem. :3
-- Vamos fazer o que você mais gosta.
-- Treinar com a Kyuubi.



>>>>Kabutowari
A espada em si consiste de um machado e um martelo gigante, ligados por uma corda fina de couro, que quando juntas as partes são referidas como "Espada Brusca", que diz ser capaz de quebrar qualquer defesa.O usuário pode alternar entre o machado e o martelo.
Atributos: [+35] Dano; [+10] Resistência

[size=12]>>>>Lançador de Senbons

É uma arma que lança senbons com veneno, se o veneno atingir o oponente pode ser fatal, essa arma pode lançar no máximo 5 senbons de uma vez.
Atributos: [+25] Dano; [-15] Resistência (Oponente)
[/size]


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 1/5/2017, 10:26 pm

*Kiri

O com o grito do clone uma pequena batalha começa nos portõe da vila, para a surpresa as duas se deixavam atacar e não se desfazem como se fossem clones. O clone apertava o passo, mas os guardas já haviam dado conta das suas... infelizmente as surpresas não acabam por ai, os corpos estavam sangrando, mas era sangue de verdade, coisa que ambas já não tinham há seculos. O clone dava passos para trás ao ver o que elas estavam usando como disfarces... cadaveres. O clone olha em volta e a essa altura as duas duplas restantes já tinham passado  pelas outras portas, o que irritava ainda mais o clone que aperta com força sua arma.

Clone
-- ...
-- Só me faltava essa...
-- Eu quero que vocês vasculhem as saidas leste e oeste. (apontava para os guardas que veio com ele.)
-- Antes de vir,  pensei ter as visto em três lugares diferentes!
-- O que estão esperando?

O clone mostrava muita impaciencia, estava com raiva e medo, pois agora elas tinham o disfarce quase perfeito para todas as ocasiões.

Clone
-- Um de vocês vá avisar os caçadores Anbu.
-- Avise ao lider!
-- Quero que rastreiem cada canto de Kiri...
-- Dentro e fora.
-- Avisarei o Mizukage...
-- Fechem os portões!

O clone saia correndo e voltava a saltar as casas para ver se via as duas nas outras ruas ou em alguma outra, o clone olhava para a estatua sem saber o que fazer, sua vontade era de destruir aquilo... O clone tenta respirar fundo e manter a calma, para ir a torre de Kaito as pressas.

"Se eu disser que vieram aqui..."
"Para por a estatua, posso perder o controle da situação e ter que responder muitas perguntas."
"Em todos os casos... vieram atras da Kyuubi."

*Konoha

"Como assim... não tem?"
"O que esta acontecendo aqui..."


O clone estava cada vez mais perdido nas informações que coçava a cabeça sem parar bagunçando os cabelos e parecendo um maluco. Ele para por um momento e volta a pensar de onde tirou essas informações, não demora muito para lembrar que era dos arquivos que tinha visto há anos.

Clone
-- Se tivesse ficado em Kiri.
-- Sua ficha médica estaria mais completa.
-- Mas não há registro de saida da vila...
-- Não haveria motivos para ficar em Kiri...
-- ...
-- Vi as descrições nos arquivos guardados na torre.
-- Mais precisamente, na sua ultima investigação.
-- O recepcionista Anbu falou dela.
-- Parece que estava ajudando a esvaziar sua antiga sala...
-- 306? Acho que ate derrubaram algo no pé dela.
-- Er... tem certeza que não tinha uma assistente...
-- Que tomava... Café?

*Prisão

Seguindo a memoria do clone, provavelmente estavamos onde Ibuse havia sido atacado, mantinha minha respiração normal para não fazer barulho o que infelizmente não era possivel... a lufada de vento faz a poeira vir em cima de nós e apenas um espirro nos condena. Algo me agarra com força e meu braço começava a queimar sem parar, a dor me fazia fechar a mão e apagar a bola de luz. No escuro apenas escutava o grito do sentinela. Ibuki me puxa com força e o sentinela volta a iluminar tudo com sua bola de luz, todos estavam  bem, mas tanto ele quanto eu estava sentindo a pele queimar, tirava a camisa/casaco (esqueci) para tentar fazer a pele parar de arder e com a parte que estava "seca" da camisa tentava tirar o que quer que tinha ali. Sem poder dizer nada ou expressar a dor, fazia esforço para ficar calada. Pegava o braço de Ibuki e dava uma olhada para ver se estava inteira, ja que dor não era bem o problema que ela poderia ter. Ia ate o sentinela e pegava sua mão devagar movia tentando fazer a luz iluminar algo além de onde estavamos, usava o sharingan para ver se havia algum chakra e ficava atenta para qualquer ruido.

Pegava da bolsa as sebons junto ao veneno de paralisia, se não estivesse comigo, tentaria pegar com Ibuki. Molharia a ponta das agulhas e colocaria no lançador tentando fazer o minimo de barulho possivel. Com o lançador recarregado tentaria ouvir alguma coisa vindo do lado de fora da enfermaria. De onde estava faria 4 clones de sombras e daria um tempo para ver se a aparição dos clones não tinha chamado atenção do que quer que fosse. Usando a claridade feita pelo sentinela, cada clone ia sair da enfermaria em passos lentos e silenciosos o bastante, os clones tentariam ficar bem separados ali, vendo a posição de cada um com o Sharingan. Se pudessem ficar bem separados os clones manteriam o silencio e pegariam cada um da sua bolsa uma kunai, juntos iam arremessar a kunai para longe para fazer barulho e ver se escutavam ou sentiam algo próximo a eles, ao minimo sinal de ameaça, juntos os clones tentariam iluminar o local com seu gen, não só para poder cegar quem estivesse ali, mas para me mostrar e aos demais o que podria estar naquele andar. Se pudesse ser visto, os clones iam envolver suas mãos com raiton e disparar varias agulhas de raiton em cima da criatura se pudesse, com a outra estariam a segurar a espada para tentar cortar... ou só se defender enquanto eu via de longe.



Raigen Raikouchuu (Cegueira Luminosa)
Descrição: Shii utiliza isso para deixar o adversário sem enxergar nada como um combo combinado com o Raikage para ele usar o Raiton Raiga Bakudan.
Custo: 30 Chakra
Causa: Cegueira Temporária
Duração: 1 Turno
Limite: 1 Vez por Combate

Kage Bunshin no Jutsu (Jutsu dos Clones da Sombra)
Descrição: Jutsu que permite que o usuário crie réplicas de si mesmo. Diferente de uma clonagem normal, a técnica cria clones reais do usuário, portanto, eles possuem seu próprio fluxo de Chakra, e podem usar técnicas independetes do usuário. É um jutsu muito difícil para pessoas que não controlam bem o seu Chakra, já que o usuário tem que dividir igualmente a sua energia entre os diferentes clones que cria. Uma característica única dessa técnica, é que todas as experiências vivenciadas pelos Kage Bunshins são passadas ao utilizador quando os Clones forem destruídos, servindo então para espionagem.
Dano: +10 Dano por Clone
Custo: 10 Chakra para cada 10 Clones
Duração: Até serem destruídos ou desfeitos
Limite: 100 Clones

Chidori Senbon (Agulhas dos Mil Pássaros)
Descrição: Jutsu em que o usuário envolve sua mão com Chakra Raiton, e dispara dos poros da mesma diversas agulhas que eletrocutam automaticamente quem for atingido. Requer uma grande habilidade na Transformação de Forma para moldar o Chakra e da-lo o formato de Senbons. É uma técnica bastante efetiva se usada em conjunto com o Sharingan, já que o usuário pode usa-lo para mirar em pontos vitais.
Necessita: Aprendizado do Chidori
Custo: 50 Chakra
Causa: 50 Dano
Duração: 1 Turno

Kunai
Descrição: Uma arma muito comum entre os ninjas, semelhante a uma faca, ultilizada tanto para ataque, como para defesa. Pode ser usada também como ferramenta, como por exemplo escalar montanhas.
Causa: 5 dano

>>>>**Veneno - Paralisia IV
Esta substância ao entrar na corrente sanguínea afeta os nervos causando paralisia.
Causa: Oponente imóvel
Duração: 2 turnos
Limite: Um uso


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 4/5/2017, 1:20 am

*Kiri*


O clonede os guardas ficam por um momento surpresos. Yuuko se irrita com as táticas e a fuga da akatsuki. Ela se vira apra os guardas impaciente e os pondo para trabalhar. Ambos recuam um pocuo e rapidamente batem continênncia antes de saírem dali bem rápido. Cada um dos dois guardas vai numa direção para vasculharem os outros portões. Ela se volta para os guardas e o ANBU que vigiavam o portão.

*ANBU
-- Eu vou até o líder
-- Vocês dois, cuidem dos portões ! (Falava com os guardas)
*Guarda 2
-- Rápido, pega aquela porta e eu empurro a outra
*Guarda 1
-- Todos longe dos portões !
-- Vamos fechar !
*Guarda 2
-- Afastem-se ! Afastem-se !

Os dois guardas pegam as protas e começam a fecha-las enquanto as pessoas que haviam na área se afastavam. Alguns mais assustados saem correndo. O ANBU e Yuuko deixam o lugar ao mesmo tempo, e correm paralelamente um ao outro até se separarem para encontrar seus líderes. Yuuko dispara para a torre do Mizukage, sempre olhando ao redor para tentar localizar a akatsuki e companhia. Enquanto escaneava as ruas seu olhar se volta para a estátua outra vez. Yuuko respira fundo para manter calma enquanto se perguntava o que fazer com aquilo. Às pressas ela entra pela porta da torre e sobe as escadas correndo. Seus passos apressados ecoam pelas escadarias, chamando atenção dos sentinelas no último andar. Um dele desce alguns degraus enquanto o outro se esticava para observar quem vinha correndo atravez do parapeito. Yuuko passa por eles apressada. O sentinela nos degraus se encosta na parade para não se esbarrarem. O próprio Mizukage ao notar pela sua porta entreaberta a inquietação dos guardas e o barulho decide se levantar e vir averiguar o que estava acontecendo. Quando Yuuko alcança as portas ele estava ainda levantando.


*Konoha*

O clone estava descontando sua confusão nos cabelos enquanto tentava entender o que estava acontecendo. Ele para por um momento antes de se votlar outra vez para Ibuse. Que parecia também um pouco confuso.

*Ibuse
-- Não... eu... não tinha uma assistente...
-- Uma moça trouxe as minhas coisas pra mim
-- Assim que saiu a aposentadoria
-- Eu não pedi nem nada...
-- De acordo com ela, já que eu não trabalhava mais lá, então tinham que liberar a sala para outra pessoa
-- Ela esvaziou minha sala, pegou todos os documentos e pertences que estavam lá
-- E me trouxe tudo encaixotado
-- Eu podia ter feito isso sozinho...
-- Mas ela disse que era uma cortesia da ANBU então... fazer o quê
-- Eles não perdem tempo...
-- É dessa moça que você está falando ?
-- Eu não conhecia... devia ser uma novata pra ter que fazer essas coisas e carregar café...
-- A coitada estava fedendo a café
-- Tinha derrubado um monte em cima de si mesma sem querer
-- Molhou um monte das minhas coisas...
-- Mas nunca mais vi ela desde então

*Prisão*

Yuuko segura a voz para não fazer nenhum barulho e tira a sua roupa para se livra do que estava queimando. Saia um pouco de fumaça branca da manga da roupa. Ela usa a parte seca para esfregar sue braço e limpar. Passar o tecido era uma tarefa ardida mas pelo menos consegue parar a queimação. A manga da roupa e a aprte usada apra limpar se corroem por mais alguns momentos antes de pararem. Ibuki eestava com aquela mesma leve fumacinha branca saindo das costas. Havia se quimado também de forma superficial. Mas havia perdido um chumaço de cabelo bem atraz das costas onde havia sido atingida. Yuuko olha ao seu redor para tentar achar qualquer coisa que seu sharingan pudesse ver.
Havia uma concentração bem elve de chakra respingado no chão. Em pontos onde o piso havia se corroído de leve também. Aquelas gotículas faziam um rastro bem sutil e curto. Ele descia a aprede do oturo lado do corredor, e terminava precisamente na porta da enfermaria. O rastro dura apenas segundos antes de terminar de evaporar.

Yuuko faz um quarteto de clones. A criação deles dentro da enfermaria não parece causar nada aparente ou provocar nenhuma outra surpresa.
O sentinela mantém seu braço erguido e se move um pouco mais apra perto da porta, mas mantendo-se dentro da enfermaria, apra iluminar melhor o que havia do aldo de fora. Enquanto Yuuko carregava seu lançadore de senbons ela manda os clones saírem.
Os clones saem em silêncio da enfrmaria a passos lentos. Eles se separam bem um do outro e escaneam a área com seus sharingans. Cada um pega uma kunai e juntos arremessam a arma para longe tentando fazer barulho em um ponto distante do corredor.
As armas atingem uma aprede, quicam, e caem no chão próximas uam da outra.
Os clones conseguem ouvir o barulho de pedras se remexendo no teto. O sharingan ainda não conseguia ver nada, e muito menos a luz vinda de dentro da enfermaria conseguia iluminar o teto alto do corredor. PAra tentar conseguir visão do que havia lá eles tentam fazer um genjutsu. A luz, porém, era uma ilusão na mente de quem atingisse. Então o corredor não se ilumina. Mas a tentativa de acertar o genjutsu na parea parece fazer o barulho parar por um momento.
Havia um total silêncio. Seguido de uma lufada de vento outra vez.
Um dos cloens éa atingido no topo da cabeça por algo e morre. Os outros fazem relâmpagos para atacar como forma de defesa. A luz dos trovões ilumina o corredor à frente deles. O clone que estava mais atraz do trio restante escuto algo atraz de si e é atingido por algo que o queima, forçando-o a ser desfeito. Os outros dois se viram naquela direção para continuar o ataque e Yuko tentava acompanhar a cena de dentro da enfermaria com o sharingan. Aquele segundo clone atingido, ao se virar, é atingido no rosto por algo escuro que não consegue distinguir antes de se desfazer com o rosto queimado. Yuuko pode ver uma "borrifada" de chakra no momento do ataque ao clone.
Os últimos clonessobrevivente fincam suas agulhas elétricas em algo. Elas se prendem no que havia na frente deles. A eletricidade passa atravez daquela forma escura e ela despenca no chão fazendo um barulho pesado.
Os clones ao olharem melhor, viam que se tratava de um objeto parecido com uma câmera, mas não era. Ele tinha um longo cano que ia dele até o teto. Após aquele objeto despencar no chão o cano fica pendurado e parado, até começara a se retrair até o teto outra vez. A arma perfurada no chão ficava caída ali. S clones continuavam no corredor de pé. Assim que a iluminação das fagulhas do raiton cessam o corredor volta a ficar escuro, exceto pela luz que vinha do seninela dentro da enfermaria.


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 5/5/2017, 12:23 am

*Kiri

O clone chegava apressado a torre do Mizukage, estava tão rapido que passava pelos guardas quase trombando com eles. O clone se dirige a porta e via que Kaito estava levantando de sua cadeira, ofegante ele olhava para Kaito alguns instantes e olhava para trás para ver se não tinha derrubado ninguém escada abaixo. O clone não tinha tempo de dar muitas desculpas, simplesmente ia ate a mesa de Kaito com seu serio, de fato estava bem irritado.

Clone
-- A Akatsuki... esta em Kiri!
-- Acabou de atacar um de meus clones.
-- Vieram atrás da Kyuubi.
-- Ordenei que fechassem os portões e vasculhassem cada canto de Kiri.
-- Sinto Kai.. Mizukage.
-- Mas acho que é hora do senhor se posicionar...
-- Mais uma vez, ela entrou na nossa vila bem debaixo do nosso nariz!

*Konoha

Em Konoha o clone tinha exatamente o mesmo olhar que o clone em Kiri, estava tentando juntar certas peças na sua cabeça, algumas ate faziam certo sentido, para ele ao menos. O clone pegava as fitas e guardava dentro do colete, já havia incomodado o velho demais, mas não podia ir sem dar seus avisos.

Clone
-- ...
-- Sim é...
-- Eu.. não vou me arrepender de dizer isso.
-- Mas provavelmente... o senhor recebeu a mulher das fitas na sua casa.
-- Ela possui um irritante costume de tomar café...
-- Praticamente fede a café.
-- Não sei se ela viria aqui, mas tome cuidado, certo?
-- Antes de ir, quando ela veio trazer seus documentos.
-- Sentiu falta de algum?

O clone omite a estatua por hora, ja que havia compartilhado muito mais do que devia, ia esperar a resposta do senhor e sairia dali para ver a estatua em Konoha bem de pertinho.

*Prisão

"O que estou enfretando?"

As coisas na prisão estavam piores que antes, os clones e eu não conseguiamos detectar nada com o Sharingan, apenas pequenos ratros de chakra, provavelmente da substancia acida usada para nos acertar. Os clones colocam em pratica tudo o que era previsto, pare do plano dava errado, mas a outra parte nem tanto. Os clones acertam algo com seus raios, mas não dava para saber exatamente o que era, só dava para ter a noção que vinha de cima... os clones sobreviventes ficavam parados, enquanto eu tentava pensar.

"Como atacar o que não vejo..."
"E parece se mover atraves do som..."
"O que diabos criaram aqui?"


Pegava o fio de aço e amarrava na cintura bem firme, deixava uma boa quantidade solta e dava para Ibuki, notava a falta de cabelo que ela tinha nas costas, se ainda estivesse queimando, ia ter que tirar sua roupa, a essas alturas... deixar o sentinela saber que era uma marionete, era o que menos importava. Deixando Ibuki segurando uma ponta, sinalizava para ambos ficarem onde estavam e com passos lentos, seguia para fora da enfermaria e tentava ficar em uma determinada distancia dos clones que ainda estavam vivos. De onde estava criava 5 clones de som e os mandava correr em volta do lugar tomando cuidado para não tropeçarem no fio de aço que eu tinha na cintura, os clones teriam a função de fazer barulho, já que se movendo fazem isso naturalmente. A intenção era fazer os clones atrairem algo para si e servir de sinal para mim e os dois de sombras. Quando um clone de sombra explodisse os demais tentariam parar de correr enquanto eu e a dupla de sombras iriam tentar acertar o que destruiu o clone com uma rajada de fogo que sairia pela boca. A intenção era causar queimaduras, além de causar um clarão mais forte que os raios e a bola de luz. Se eu ou os clones de sombras escutássemos algum barulho próximo a nós, iriamos nos recobrir de Raiton para tentar eletrocutar o que tentasse se aproximar de nós. Os clones de som iam continuar a fazer seu trabalho que era chamar a atenção com o som, enquanto nós tentariamos acertar o oponente, em ultimo caso, uma rajada de fogo seria lançada para cima, na tentativa de chegar ao teto.


Yuuko
"Uma ajuda seria bem vinda, Kurama..."
"Sente alguma coisa?"


Katon Renkeijutsu - Karura (Jutsu de Cooperação do Estilo Fogo - Karura Energizada)
Descrição: O ninja cospe uma grande quantidade de fogo que se junta para formar um grande dragão de chamas.
Custo: 60 Chakra
Causa: 60 Dano
Duração: 1 Turno

Chidori Nagashi (Corrente de Mil Pássaros)
Descrição: Aperfeiçoamento do Chidori criado por Sasuke, onde ele pode envolver completamente seu corpo utilizando o Chakra Raiton para eletrocutar qualquer um que entre em contato com ele. Se desejar, o usuário também pode liberar a eletricidade do seu corpo para atingir os inimigos próximos. Colocando a mão no chão, o Shinobi também pode fazer com que os raios corram pelo chão de forma eficiente.
Necessita: Aprendizado do Chidori
Custo: 30 Chakra
Causa: Defesa Absoluta
Duração: 1 Turno
Limite: 1 Vez por Combate

Otto Bunshin no Jutsu (Jutsu dos Clones de Som)
Descrição: O usuário cria bunshins normais, só que de som. Os ataques deles são baseados em emitir sons com seus movimentos que deixa o inimigo meio surdo, zonzo e as vezes paralisados. Quando são destruídos emitem sons terríveis que deixa o inimigo paralisado e atordoado. Se ele for destruído exatamente do lado do oponente, o som fica realmente doloroso, fazendo as orelhas sangrarem e muita dor.
Dano: +10 Dano por Clone
Custo: 10 Chakra por Clone
Duração: Até serem destruídos ou desfeitos
Limite: 10 Clones
Nota: Quando destruídos se estiverem perto do oponente deixa-o paralizado


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 6/5/2017, 4:15 am

Yuuko entra na sala ofegante e olha por uns instantes para o kage antes de se virar para traz só para ter certeza que não jogou um guarda escada abaixo. Os sentinelas estavam ambos na porta assistindo. Ela vai até a mesa e com uma expressão séria compartilha das boas notícias.


*Mizukage
-- Como assim !?
-- Aqui !?
-- Aqui dentro ?!
-- Assim, de repente !?

KAito estava bem surpreso. Ele agarra sua barba e poia o queixo na mão para pensar no que fazer. A situação era urgente e a Uchiha exigia uma atitude rápido.
*Mizukage
-- Eu imaginava que já haviam desistido...
-- Por que vir atacar agora ? DEpois de tanto tempo ?
-- Tinham que vir logo hoje...
-- A maior parte da cidade está no mesmo lugar por causa do evento
-- Droga... isso é muito perigoso...
-- Nós precisamos encontrar eles antes que façam mais alguma coisa !
-- E precisamos proteger a vila
-- Não podemos ter um conflito aqui dentro
-- Eu vou pôr a vila em alerta geral e mandar pessoal para garantir a segurança das pessoas
*Mizukage
-- E você vai precisar de proteção
-- Quantos dos seus espadachins estão na cidade ainda ?
-- Consegue chamá-los ?
-- Precisamos achar esses akatsuki e tirar daqui de dentro o mais rápido possível
-- Você sabe aonde foi ?
-- Quantos eles são ?
-- Como foi que isso aconteceu ?

*Konoha*
Em konoha o clone tentava juntar o quebra-cabeças no seu cérebro. Após guardar as fitas ele dá uma viso ao velho. Que escuta a notícia com espanto. Ele arregala os olhos, olha para baixo, e então suspira.
*Ibuse
-- Mas que coisa...
-- E eu não fazia ideia...
O velho levanta eo seu copo para dar uma olhda. Só tinha gelos dentro. Ele suspira denovo.
*Ibuse
-- Não se preocupe comigo
-- Acho que se ela não fez nada comigo antes, não tem para quê fazer agora
-- Isso é... bem interessante
-- Ela pode ter visto tudo que eu tinha
-- Provavelmente viu
-- E ainda assim...
-- Não fez nada com as minhas coisas
-- Ou as fitas
-- Nada estava faltando
*Ibuse
-- Eu não tinha nada do caso na minha sala...
-- Exceto por um velho mapa que eu estava usando
-- E que o café estragou...

Ele vira o copo para tomar a água dos gelos derretidos.
*Ibuse
-- Talvez ela só queira esquecer isso
-- Assim como eu...

Ele põe o copo na mesa novamente.
*Ibuse
-- Mas eu nunca consegui...

Yuuko após ter a sua resposta deixa a casa de Ibuse. As fitas estavam nos eu bolso e os gatos que haviam as levado até o velho a seguiam. Yuuko vai até a estátua no mieo de Konoha para a observar bem de perto.


A estátua era um pouco menor que a de Kir, Mas assim como lá, as asas davam mais altura para a peça que a personagem em si. Ela tinha um colar com a assinatura da akatsuki desenhada sobre ele. A estátua parecia mais velha que a de Kiri pois estava com algums rachaduras e sujeira. Diferente da de Kiri os olhos desta escultura estavam tapados. Olhando de perto por baixo dava para ver que a estátua possuía olhos sob o véu que cobria seu rosto. Eles não tinham íris, e olhavam para o chão na direção de quem tentava espiar sob o véu, no caso Yuuko. Aquela face também tinha uma expressão diferente que em kiri, pois parecia triste.





*Prisão*

*Kyuubi
"Eu estou tentando"
"Mas não consigo sentir nada"
"Se tem alguém coisa aqui, está se escondendo muito bem..."
"Ou então não é alguém..."



Yuuko pega um fio de aço e amarra an cintura. Ela passa uma ponta para Ibuki e a boneca fica segurando. A Uchiha sinaliza para a equipe ficar onde estava e faz 5 cloes de som para chamar atenção. Ela se junta aos clones de sombra no corredor enquanto os clones sonoros correm fazendo ruído. O corredor silencioso se torna um incômodo para os ouvidos quando eles começam a correr. Um dos clones é destruído. O clone mais próximo deste também morre da mesma forma que os outros. Os outros param e correr imediatamente e Yuuko avança com os dois clones de sombra para cuspirem chamas e mais chamas na área onde houve o ataque.
O fogo engloba toda uma parte do corredor e avança por ele criando vários focos de chamas no chão e as paredes.
Quando as chamas terminam de passar Yuuko vê o que haviam atingido cair no chão. Assim como antes, havia um objeto parecido com uma câmera em formato. Ele estava caído junto a um segundo parecido no chão. Ambos fumegando por causa do fogo.
Um dos objetos ao atingir o chão se arrebenta, fazendo vazar para fora o líquido que aquela arma tinha dentro de si para o chão.
Era uma substância ácida. O ácido se espalha no piso corroendo o chão. Dois braços mecânicos saídos das paredes, que antes seguravam aquelas armas, se retraem para dentro das paredes outra vez.

A máquina caída no chão permanece lá quebrada. Parecia parte do sistema de segurança do lugar. Yuuko e os clones sobreçalentes agora tinha mais luz no ambiente gráças à iluminação do fogo.
Yuuko escuta algo se mover no teto. Os clones também. Eles já estavam preparados para atacar, e é isso que fazem. Mais chamas são disparadas contra o teto. Um dos clones de som é então a tingido nas pernas e se desfaz num barulho muito irritante. Yuuko e os clones de sombras se protegem antes dos outros clones (de som) terminarem de ser destruídos. Mas não por uma daquelas máquinas. Algo os atinge nos pés
Um dos clones das sombras também é atacado por baixo, no tornozelo. A armadura do Chidori o protege eletrocutando seja lá o que fosse. Ao olhar para baixo ele vê uma substância viscosa preta.
Ela estava por cima dos seus pés e espalhada pelo chão. Era algo negro, viscoso e grudento.
A substância estava escorrendo para fora dos pés do clone. Havia um rastro daquilo que levava até as escadarias que desciam.
No teto, após os ataques, havia a mesma coisa. Um rastro da substância gosmenta preta que pingava e levava até as escadarias para o próximo andar. O rastro serpenteava entre os focos de fogo, e escorria lentamente na direção aonde levavam. O chão e o teto estavam cheios daquilo.



Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 7/5/2017, 1:36 am

*Kiri

Kaito estava surpreso com a ações da Akatsuki e para alivio do clone, ele não fazia muitas perguntas, apenas pensava em manter a segurança da vila, como o clone já esperava. Sua expressão ainda se mantinha bem seria ouvindo o plano e as perguntas do Mizukage, ele coça a cabeça e respira fundo já que sabia que tinha que tomar cuidado com que ia dizer. O clone vira-se para os guardas na portas que ainda estava assistindo.

Clone
-- O que estão esperando?
-- Vão alertar os demais, sejam discretos!
-- Não queremos uma confusão na praça.

O clone parava de falar e volta a sua atenção para Kaito.

Clone
-- Não acho que estejam aqui dentro ainda.
-- Sairam bem rapidinho... quando se deram conta.
-- Que eu sabia quem eram.
-- Ambas vieram disfarçadas. Não sei bem...
-- Que tipo de jutsu estavam usando, mas estavam controlando dois ninjas que..
-- Usaram henge para se disfarçarem.
-- Nunca vi um controle de alto nivel assim...
-- Devem ter entrado juto as pessoas que estão organizando a festa.
-- É normal que a segurança caia um pouco....
-- Foram pelos lados leste e oeste.
-- São duas mulheres..
-- ...
-- Nuibare e a esquentadinha estão na vila.
-- Se o senhor não os mandou para canto nenhum ainda...
-- Falta um, mas não deve demorar a voltar.
-- E bom... eu não preciso de proteção porque...
-- Tecnicamente não estou em Kiri. ^^''
-- O meu eu original, esta bem longe treinando com a raposa.
-- E se me permite dizer, tivemos sorte.
-- Devem ter ido atrás de mim.
-- Mizukage... Kaito...
-- Não acha que minha permanencia aqui, seja um risco?


*Konoha

O clone escutava o que o velho tinha a dizer, de certa forma, sentia que tinha tirado dele um peso, embora as horriveis lembranças. O clone sai dali na companhia dos gatinhos para ver a estatua mais de perto. Era diferente comparada a de Kiri, olhava bem para ela e se incomodava com a expressão que a estatua tinha para quem olhasse atraves do véu que tampava seus olhos, mil e um motivos passam na cabeça do clone, mas nenhum deles bom o bastante para chegar perto do que poderia estar nessas estatuas e para que seriam usadas.

Clone
-- Se são valquirias...
-- Que guiam almas de herois para seu lugar de descanso.
-- Quer dizer que... os ninjas daqui serão guiados...?
-- Vai matar a vila...
-- Eu vou ficar louca. Não sei o que esse troço significa.

O clone voltava a bagunçar os cabelos por não entender seus propios pensamentos. Quando para, ele perce que a estatua estava apontada para a Torre da Hokage, diferente de Kiri, que estava apontada para torre dos espadachins.

"Se a Mizukage estivesse viva, provavelmente a estatua estaria apontada para sua torre..."
"Então, meu grupo é o proximo da lista negra..."
"Parece que Konoha andou pisando nos calos de alguém também."


O clone olhava para baixo e via os gatos que o seguiram desde a casa de Ibuse, como não resiste aos bichinhos, pegava ambos no colo e andava com eles pela vila, ia deixa-los próximos a sede dos anbus. Não se arriscava a entrar por motivos de não saber como estava as coisas e os gatos poderiam querer denunciar o clone, sem querer.



*Prisão

Junto aos clones, ficavamos a observar o que nossos ataques estavam a causar naquele andar, mais uma vez após um ataque de chamas algo ficava caido no chão, parecia ser uma camera, dentro deles havia o acido que tinha atingindo minha mão antes. Não dava tempo para pensar em algo, pois os clones de som voltam a estourar um a um, por muito pouco nós não eramos atingidos pelas ondas de som. O chidori Nagashi faz seu trabalho e protege o clone que era atacado por baixo, mas não sabia exatamente o que era. Os clones ficavam parados sem saber o que fazer, assim como eu que olhava os rastros no chão e no teto que ia ate a escadaria. Olhava para Ibuki e o sentinela e apontava para as escadas para que se quisessem... poderiam vir e me seguir. Com passos lentos ia na direção da escada com o martelo na frente do corpo, com a mão livre ja estava preparada para fazer um rasengan caso algo viesse contra mim ao mesmo tempo que lançaria uma descarga eletrica de raiton. Se sentisse acido novamente, iria recuar de volta para a enfermaria para onde estavamos.


Rasengan (Esfera Espiral)
Descrição: Para o Jutsu é preciso ter um enorme controle de Chakra para que se possa girar uma quantidade média de Chakra na forma de uma esfera com forma constante, o Jutsu é bastante poderoso pois o Chakra em rotação pode ferir a pele quase profundamente e também fazer o inimigo ser lançado longe girando.
Custo: 50 Chakra
Causa: 50 Dano
Duração: 1 Turno

Raiton - Jibashi (Estilo Relâmpago - Assassinato Eletromagnético)
Descrição: O usuário libera das duas mãos uma poderosa descarga elétrica que eletrocuta todos nas proximidades do Shinobi.
Custo: 100 Chakra
Causa: 100 Dano
Duração: 1 Turno


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 7/5/2017, 4:28 am

*Kiri*

Yuuko se vira para os manda sair dali. Os dois num susto erguem as mãos para bater continÊncia e sair dali às pressas espalhar as notícias. Yuuko se volta apra Kaito novamente. O velho parecia bem preocupado, mas se mantinha sério, assim como ela, perante a situação.
Depois de sua pergunta a expressão dele se torna um pouco indignada.

*Kaito/Mizukage
-- Você ? Um risco ?
-- Oras... ¬¬
-- Nós estamos aqui para proteger as pessoas dessa vila
-- E você é uma delas também
-- Não me venha com essa
*Kaito/Mizukage
-- O risco é você estar sozinha lá fora enquanto essas duas estão por aqui !
-- Elas estão indo atraz de você !
-- Não é hora para treino !
*Kaito/Mizukage
-- Eu mandei aqueles dois espadachins para o norte da vila
-- Dei algo para... "entreter" eles por um tempo
-- Nós não podemos deixar a akatsuki encontrar você
-- Mas não podemos amndar qualquer um
-- Eu diria para mandar os espadachins te trazer para casa...
-- Mas... mandar eles é o seu trabalho...
*Kaito/Mizukage
-- Por que a akatsuki iria vir aqui agora ?
-- Nos deixaram em paz por muito tempo...
-- Isso não me cheira bem...
-- Nem um pouco...
-- Você sabe quem eram os ninjas que elas usaram ?
-- Elas disseram alguma coisa ?
*Kaito/Mizukage
-- Eu devia fechar a ilha inteira...
-- Para eles não sumirem...
-- Mas não devíamos comprar briga perto da vila...
-- A última batalha com eles não foi nada boa...
-- Vamos nos focar em manter a vila segura
-- E impedir que eles achem você lá fora
-- Aonde você foi ?

*Konoha*


O clone observava a estátua e tentava compreender seu significado. Os gatinhos a acompanhavam. Eles se sentam no chão e um ergue a cabeça para olhar o que ela estava olhando. Yuuko pega ambos no colo e os carrega enquanto voltava pra a sede da ANBU. Ambos se aconchegam em seus braços e um deles começa a ronronar. Yuuko para pouco antes de chegar e deixa ambos no chão para não chamar atenção para si mesma. Os dois olham para o prédio e depois se viram para Yuuko denovo. Um deles olha para o prédio outra vez, e então se volta para ela novamente.

*Gato
-- Você não vem ?
*Gato 2
-- Nós hã... precisamos dizer alguma coisa pra eles...
-- Então hã...
-- Dizemos o quê... ?
Os gatos invocados sabiam falar. A entrada da sede estava a alguns metros dali. As portas estavame scancaradas e dava para ouvir o barulho de várias pessoas conversando lá dentro.


*Prisão*




Yuuko e os clones observam os rastros e decidem seguir em frente. ELa sinaliza apra os companheiros e ambos saem da enfermaria para seguir a Uchiha. O trio caminha na direção das escadas seguindo a trilha gosmenta. Era difícil de descer pelos degraus pro causa da substância viscosa que grudava nos pés. O sentinela caminha ao lado de Yuuko. Numa mão ele segurava uma corrente que estava enrolada e presa no cinto. Na outra mão ele carregava a luz para iluminar o caminho Ibuki vinha atraz vigiando a retaguarda.
Os três descema inda em silÊncio até alcançarem o andar seguinte.



O trio estava de frente para outro longo corredor. Mas esse bem mais aberto que o anterior. À direita havia uma parede onde havia um buraco e um corpo atravessado nele. Ele vestia um jaleco branco manchado com sangue velho e seco. A maioria dos cadáveres naquele lugar vestiam jalecos brancos. À esquerda havia uma sala com grandes vidros. Era possível ver totalmente ela por dentro. A sala parecia ser da segurança daquele andar. Haviam vários monitores na parede ao fundo. Ao lado havia uma prateleira com fitas. As telas estavam quase todas inteiras exceto por uma. Nesta havia o esqueleto de um guarda com a cabeça dentro do monitor.
Na sala haviam vários móveis velhos e destruídos. E um armário cujas portas escancaradas revelavam vários uniformes e armaduras da segurança pendurados. Todos empoeirados e velhos.
Aquela sala tinha tantas manchas de sangue e coisas que quebradas que parecia ter sido cenário de um massacre. Haviam vários cadáveres lá dentro.
Ao lado daqueles das vidraças da sala havia uma escadaria que subia levandoa o teto dela. Haviam várias passarelas lá em cima, e várias celas fechadas.
O lugar tinha vários corpos estirados pelo chão e pendendo dos parapeitos das passarelas. O corredor tinha uma bifurcação apra a direita, e para a frente ele possuía três portões de barras de metal ems equÊncia que levavam para mais fundo no andar. Os portões estavam todos arrombados. Assim como o da área anterior, eles pareciam ter sido atropelados por algo grande.

Haviam muitas manchas de sangue e arranhões profundos de diversos tamanhos pelas paredes e o chão. Até a luminária que ahvia no teto estava com sangue respingado sobre ela. ALgo notável naquelas manchas, porém, era que algumas tinha uma tonalidade muito diferente.
Ibuki se aproxima de uma das paredes e passa um dedo sobre as manchas que haviam sobre ela. Ibuki aponta para uma de várias manchas na parede para chamar a atenção sobre um detalhe. O sangue seco ficava bem escuro. Mas haviam muitas manchas e respingos grandes com um vermelho bem vivo ali também.
Era tinta.
O salão tinha uma grande câmera de segurança bem acima das vidraças da sala com as vidraças. Ela estava voltada para o corredor. DEntro da sala com os monitores havia outra que era bem visível num canto do teto.
O rastro de gosma negra seguia para a frente, passando pelos portões arrebentados e indo para longe, mas não dava apra ver tão longe devido ao alcance lmitado da iluminação da bola de luz que o sentinela estava caregando.
Ele se aproxima das duas para sussurrar bem baixinho próximo a elas.

*Sentinela
-- As plantas da prisão mostravam que só havia 3 andares diferentes
-- Esse lugar aqui...
-- Não estava nelas
-- Nem mesmo a portaa para descer aqui
-- Nada disso devia existir...
*Sentinela
-- Acho que deve ter energia passando aqui ainda
-- Já que as máquinas com ácido lá em cima ainda estavam funcionando...
-- Talvez dê para acender as luzes em algum lugar
-- Se elas ainda funcionarem...


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 8/5/2017, 12:04 am


*Kiri

O clone via o desespero de Kaito, ate certo ponto, estava gostando, pois assim tinha a certeza que ele não sabia de nada, além da caça as Bjuus. O clone respirava fundo e relaxava um pouco mais, indo para a janela e olhando a vista, estava pensando bastante.

Clone
-- É a Akatsuki. O que tramam e quando agem...
-- É um misterio.
-- O que me preocupa é a facilidade com que entraram...
-- De novo...
-- Se tivessem feito um refem como da ultima vez.
-- As coisas não teriam saido diferente.
-- ....
-- Eu não conheço as pessoas que elas usaram.
-- E vierem me levar com elas...
-- Eu nunca disse isso, mas invadiram minha casa uma vez.
-- Deixando um recado de que estavam vivas, apens estavam de ferias...
-- Ate eles precisam. hehe
-- Deixe os espadachins em Kiri. Sem mim, serão a unica defesa.
-- Já devem estar perto de algum cais.
-- Eu estou....

O clone da um sorriso e coloca as mãos atras da cabeça.

Clone
-- Bem longe daqui. ^^
-- Estava perto das montanhas de Konoha.
-- Pela hora o treino ja acabou.
-- Não se preocupe, Kaito-san...
-- Tenho algo que nenhuma das duas desconfia.
-- Mantenha a vila sob segurança maxima.
-- Os anbus podem ver quem são as pessoas que elas usaram..
-- Eu vou ficar bem. Eu acho.
-- E eu tenho um ultimo pedido.
-- Sabe de alguém que conhece muito sobre selos?

*Konoha

Clone
-- VOCÊS SABEM FALAR!!! *-*

O clone tapava a boca na boca na hora para conter a animação e não chamar atenção. Os gatos lembravam o clone do pequeno problema, já que tinham que dizer algo. Ele coça a cabeça pensando e olhando para a sede dos anbus.

Clone
-- Eu não pensei... nessa parte.
-- Mas eu poderia lhes pedir um favor?
-- Não comentassem o que escutaram.
-- Não por mim, mas pelo bem do Vovô e de quem os invocou.
-- Saber demais sobre isso, é...
-- Desejar morrer.
-- Irei com vocês até a sede.
-- Vocês são fofos! >.<

O clone voltava a pegar os gatos, fazendo carinho neles com a ponta de seus dedos, tentando ao menos. Iria ver como todos estavam e aproveitar se suspeitavam de alguém, já sentia que não seria uma boa ideia. Por preucação, seu sharingan era desativado.



*Prisão

Na prisão, desciamos as escadas depois de um certo tempo, estava complicado, mas finalmente conseguiamos. A sala não era lá das melhores, havia um corpo atravessado em uma das paredes, varios no chão... todos de funcionarios provavelmente. Havia uma sala de segurança com varias telas e fitas, e mais um cadaver com a cabeça dentro de uma das telas. Dava uma boa olhada naquele lugar, eram muitos detalhes e cada um deles era pior que o outro, se de ato houve um assassinato em massa, este tinha começado no local onde estavamos. A esfera de luz iluminava ate onde dava, nos mostrando muito mais do que tinhamos visto e para minha sorte... Ibuki acha em uma das paredes tinta vermelha, estavamos no caminho certo e o medo do que poderiamos achar estava cada vez maior. O sentinela começava a falar e eu escutava com atenção, antes de responder, eu por impulso tapava sua boca e olhava em volta para ver se algo estava se mexendo ou fazendo barulho, aparentemente para a nossa sorte, estava tudo bem.

Yuuko
-- Talvez... isso sempre existiu.
-- Só não era de conhecimento publico. hehe
-- Pelas salas que passamos.
-- Acho que isso tudo era um grande laboratorio.
-- Me da nervoso de pensar no que fizeram...
-- E acredito ainda mais que esse lugar não foi abandonado...
-- Acho que as pessoas que trabalhavam aqui, nem chegaram a sair.
-- ...
-- Estão vendo? (apontava para as cameras)
-- Se a gente conseguir ligar tudo isso.
-- Vamos poder ver as fitas e entender o que aconteceu.
-- Vamos procurar com muito cuidado, para não esbarrar com o que matou essas pessoas.
-- E mantenha essa luz bem acesa. G_G

Falava baixo com ambos enquanto tentava achar o interruptor ou qualquer coisa que viesse acender as luzes ou ligar a sala de segurança, mantinha parte de minha atenção na bifurcação que levava a outro corredor, era ainda mais sombrio e incomodo que os demais e a vontade de sair andando para ver o que tinha era bem grande, mas tentava me conter e continuava a minha procura para tentar ligar as luzes e usar a sala de segurança para ver as fitas.


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 8/5/2017, 3:29 am

*Kiri*
Yuuko se divertia um pouco com o desespero de Kaito. Ela o tranquiliza e põe um sorriso no rosto depois daquele alvoroço, deixando o mizukage de cara.

*Kaito
-- ... ¬¬
-- Você vai matar do coração...
-- Como pode ficar tão tranquila ?
-- Está sabendo de coisas que não nos contou é... ? (Diz se referindo ao recado de férias)
-- Hunf... ¬¬
*Kaito
-- Selos... são a especialidade dos uzumaki
-- Eu não conheço alguém em específico
-- Mas temos um uzumaki aqui
-- Ele trabalha no segundo andar...
-- A vila vai estar em alerta total
-- Vamos manter ela fechada até ter certeza que eles estão bem longe...
-- Espero que tenham ido realmente embora...
-- Isso é tão fustrante...
-- Eles podem estar lá fora só esperando você voltar...
-- Que surpresa você tem para elas... pra estar tão tranquila... ?
-- ...

*Konoha*



Em konoha, Yuuko se encantava com os gatos e não resiste à necessidade de pegar eles denovo e fazer carinho nos dois. Ela tira uma ronronada de cada um enquanto os carregava.

*Gato 1
:3
*Gato 2
:3
*Gato 1
-- Ok, nós vamos manter segredo
*Gato 2
-- Mas o que vamos dizer ?
*Gato 1
-- Hã... só dizemos que entregamos as fitas
-- Vão estar com Ibuse-sama até onde todo mundo sabe...

Yuuko estava chegando na entrada da sede. O ANBU velho que havia saído antes estava chegando também, virando a esquina.

*Velho ANBU
-- Oh... yo !
-- Você aqui ? já ?

A discussão do lado de dentro da sede estava ficando bem alta. Alguém parecia estar irritado.

*Velho ANBU
-- O que foi que aconteceu !

Um dos gatos pula de Yuuko para ir até o aNBU e levanta uma patinha apra o cumprimentar !

*Velho ANBU
-- Ah !
-- Vocês aqui também ?
-- Ué... o que é que está havendo... ?

Ele já estava começandoa  soar desconfiado da situação. A gritaria dentro da sede continuava. Haviam três ANBUs lá dentro, contando com o recepcionista. O hall estava uma bagunça. O recepcionista estava sentado atirado num dos bancos longos da sala e pressionando alguns curativos. Os três ninjas estavam em círculo conversando. Um deles estava bem irritado.

*ANBU 1
-- Isso é estúpido !
*Recepcionsta
-- Ah para...
-- Você também não ajudou em nada...
*ANBU 2
-- Como é que vocês conseguem deixar uma coisa dessas acontecer...
*ANBU 1
-- E quem ia esperar uma coisa dessas ?
-- É loucura
-- Precisa valer muito à pena para tentarem algo assim
-- E eu não acho que haja anda de valor o suficiente aqui dentro pra isso
*ANBU 1
-- Não achava, pelo menos...
*Recepcionsta
-- O que importa é que está tudo bem...
-- Ele conseguiu sair mas não levou nada
*ANBU 1
-- Eu quero é saber o que é que queriam levar...
*Recepcionsta
-- Eu não tenho nem ideia
*ANBU 2
-- Ele não vai sair daqui tão cedo
-- Já mandei os sensores para cada saída da cidade
-- Ninguém vai ssair
-- Por baixo, pela frente, ou por cima
-- O ladrão está preso na vila agora
*ANBU 1
-- Eu quero ver as câmeras de segurança
*Recepcionsta
-- E eu quero um analgésico...

*Prisão*

*Sentinela (falando baixo)
-- Pode deixar...
*Sentinela (falando baixo)
-- O que diabos será eles faziam embaixo de uma prisão... ?

Yuuko procurava por qualquer sinal de movimentação, mas nada estava se mexendo ou fazendo barulho naquele corredor fora o trio. Ibuki leva a mão até o seu ouvido enquanto os três entravam na sala da segurança. Os três procuram por algo para acender as luzes ali dentro. Yuuko mantinha-se atenta à bifurcação enquanto estavam lá dentro.

*Ibuki (morse)
-- Esse lugar
-- Ela esteve aqui também...
-- Está todo destruído
-- Mas não tem prisioneiros em lugar nenhum até agora...
-- Será que esses conseguiram fugir ?
*Ibuki (morse)
-- ...
-- ...será que ligar as luzes é uma boa ideia... ?

Ibuki larga o rádio e se aproxima de uma mesa que havia junto aos vidros. Ela se abaixa para espiar embaixo daquilo. O sentinela toca o braço de Yuuko para chamar sua atenção para algo na parede enquanto isso.

Havia um grande interruptor na parede. Era velho e enferrujado




Ao puxar para baixo algumas faíscas saem de dele e se escuta um barulho bem sutil de eletricidade. Seguido pelo som de stática.



Uma das luzes da sala se acende. A única lâmpada ainda inteira do teto. Ela era velha e ficava piscando de forma errática. Dava apra se ver bem melhor a sala com ajuda da luz apesar daquilo. Fora os monitores e o armário havia um par de mesas com alguns objetos por cima. Dentre papéis e canetas havia um par de cacetetes, um molho de chaves, três carteiras, dois apres de algemas, e um caderno. Numa das mesas havia uma câmera portátil velha e destruída junto a uma bateria conectada a um carregador na tomada da parede.
O som de estática vinha de um rádio antigo. Era uma maquina grande e conectada a uma tomada na parede. Ele estava no chão embaixo de uma das mesas.
Sobre aquela mesma mesa havia um esqueleto. Ele estava sentado, com uma espada atravessada no peito que se ficncava na mesa atraz dele, o deixando preso ali.

O chão da sala estava cheio de manchas de sangue seco. Próximo às vidraças, no chão, havia uma única mancha de 1 metro de área de tinta vermelha.
Na sala haviam 5 esqueletos velhos no total. Todos de seguranças.

Ibuki se enfia para baixo da mesa que havia junto aos vidros quando um barulho bem alto ecoa pelo corredor inteiro.



Era o som das luzes do corredor inteiro se acendendo. Uma delas assim que acende explode, podendo se ouvir os cacos de vidro caindo no chão à distância.
Com as luzes acesas dava para se ver melhor o que havia na bifurcação do corredor. A bifurcação tinha portas duplas de metal pesado.
Em frente à porta, havia uma pilha de gente.
Uma das portas estava entreaberta. Ela tinha várias marcas de impressões de mãos feitas com sangue na sua superfície.




Os monitores começam a se ligar juntos, fazendo também barulho de estática. Os aparelhos de VHS para tocar fitas fazem um pouco de barulho qunado se ligam também. Mas logo param, embora os monitores continuassem ligados.
Ibuki sai debaixo da mesa onde estava com algo nas mãos. Ela se vira para o grupo e mostra o que havia visto e pego no chão.





























Era o chapéu do ottokage. O tecido branco que ele possuía estava com manchas de sangue e tinta vermelha.
Vindo do corredor, o grupo pode escutar um som.




Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 8/5/2017, 8:38 pm

*Kiri

O clone em Kiri se continha para não ir da cara de Kaito, a situação não era muito boa para rir, logo ele só colocava a mão na boca e escutava tudo o que o Mizukage tinha a dizer. O clone se sentava na janela e ficava um pouco em silencio vendo a movimentação das pessoas, estava bem preocupado, embora estivesse vendo certa diversão nisso tudo. Infelizmente a frustação de Kaito, também era a mesma sentida pelo clone.


Clone
-- Eu estou apenas impedindo que tenha um troço.
-- Tensão demais faz mal ao coração.
-- E o seu não é lá....
-- Enfim. hehehe
-- Eu não estou tranquila, estou bastante preocupada...
-- Mas não posso deixar transparecer.
-- Afinal sou uma de suas ninjas mais fortes...
-- Não seria muito bom me ver, desesperada por ai.
-- Mas como não tem como saber quando e como vão vir.
-- Só tento manter meu bom humor.

O clone dava um sorriso para Kaito, afinal ninguém de fato poderia fazer algo a essas alturas, mas para o clone, sua unica preocupação seria a vila e de mais uma pessoa ser usada, como da ultima vez...

Clone
-- Só vim daquele... para impedir que ela usasse contra mim.
-- Alguém daqui.
-- Pode não parecer, mas sou cheia de amigos.
-- Alguns mais chegados que outros.
-- Já te contei que beijei uma Nukennin? =) (Referia-se a Aika)
-- hehehe
-- Irei falar com esse Uzumaki e ja lhe peço...
-- Não faça muitas perguntas. xD

O clone se levantava e ia para perto de Kaito, com a mesma expressão de tranquilidade de antes, ainda com as mãos atrás da cabeça.

Clone
-- A Kyuubi me ensinou novos truques.
-- Acho que já darei uma dor de cabeça e elas.
-- E quanto a surpresa. =)
-- São os olhos amaldiçoados que alguns Uchihas possuem.
-- Acho que o senhor me entendeu. ^^
-- Aproveitando a conversa.
-- Deixei para trás algo muito importante... faz tanto tempo...
-- Aô. Foi de fato dado como, morto. Certo?


*Konoha

O clone estava vivendo uma situação de fofura e caos ao mesmo tempo, enquanto carregava os gatinhos, o velho Anbu via de encontro e estranhava a situação. O clone se mantinha quieto, enquanto segurava um dos gatos, já que um deles tinha saltado de seu colo. Dentro da sede as coisas estavam tensas, dois anbus e o recepcionista estavam a falar alto e reclamar ao mesmo tempo. O clone não sabia o que fazer, não era nem da vila para poder dar palpites, sua presença já seria bem estranha para alguns ali.

"Se esses sensores chegarem a mim..."
"Tive sorte de trocar as caixas."
"Assim não saber o que de fato esta faltando."
"Ibuki, você me deve e muito..."


Clone
-- Eu.. ainda não voltei. (falava ao velho anbu)
-- Devo estar na prisão.
-- Sou apenas um clone.
-- Estava na cidade apenas por precaução...
-- A Akatsuki invadiu Kiri atras de mim.
-- Achei que viria aqui tentar me encontrar.
-- Foi bom ter feito clones em Kiri e deixar um Konoha.
-- Estava vendo a estatua quando vi esses gatinhos.
-- Acabei conhecendo um Vovô bem bacana.
-- Vamos entrar e ver como esta nosso amigo recepcionista...
-- Mas não posso demorar.

O clone ia devagar para dentro, mas não entrava muito, praticamente nem estava a 5 passos da porta. Ele olhava o recepcionista, ainda com o gato nos braços.

Clone
-- Vocês estão bem?
-- Parece que algo passou por cima de vocês.


*Prisão

Enquanto procuravamos algo para acender as luzes, ambos faziam suas perguntas a seu jeito, Ibuki estava preocupada com a ideia de acender as luzes, mas não tinhamos outra escolha.

Yuuko
-- Experiencias... eu acho.
-- Todo o lugar é quase um laboratorio sinistro.
-- Mas não tem como saber, sem ligar as luzes.
-- Não é uma boa... acho que tem algo aqui.
-- Mas não temos escolha.

O sentinela tocava meu braço e apontava para o grande interruptor, ao ligar escutavamos a estatica e finalmente uma lampada se acende, não da forma esperada, mas já era um começo. Graças a ela dava para ver que em cima de uma das mesas, tinha varios objetos ali e mais um cadaver junto com uma espada, de fato aconteceu uma luta. Enquanto olhava a marca de tinta no chão, escutava um barulho vindo do corredor, eram as demais lampadas se acendendo e uma explodindo. A minha tensão aumentava cada vez mais devido ao barulho que estava sendo feito pelas Tv's e VHS que tinham ali, ficava atenta a tudo enquanto esperava Ibuki sair debaixo de uma das mesas com uma surpresa nada agradavel.

Yuuko
-- ....
-- ...

Antes que eu pudesse dizer algo, escutavamos um barulho vindo do corredor, era um pouco irritante, mas o local onde estavamos não era lá um dos melhores. Segurava bem minha arma frente ao corpo novamente.

Yuuko
-- Segundo... o que estava nas fitas.
-- O Ottokage ofereceu as armas criadas atraves da menina.
-- Em troca da liderança da Aliança...
-- ....
-- Eu acho que...
-- Que...
-- Estamos no andar onde ele criava essas armas.
-- Fiquem atentos...

Em passos lentos andava em direção ao corredor, tentando ver o que poderia ser barulho, com o Sharingan, tentava ver assinaturas de chakras ou a presença de alguma coisa. Se não tivesse nada, voltaria a minha atenção as fitas.

"Provavelmente... quem trabalhava aqui."
"Morreu pelas mãos da Akatsuki."
"Mas... e quem estava preso? O que fizeram?"
"O que este Ottokage criou?"


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 9/5/2017, 3:51 am

*Kiri*

*Kaito/Mizuakge
-- É... nós o demos como morto...
-- Ninguém pode confirmar, mas tinhamos que dizer alguma coisa
-- Ser forte é difícil às vezes, não é ?
-- Heh...
-- Não podemos mostrar fraqueza
-- Não para o público

Ele suspira e olha para a vila pela janela.

*Kaito/Mizuakge
-- Você está certa
-- É melhor manter o bom humor
-- Senão vamos acabar ficando paranóicos, hehe
-- É melhor pro coração
-- Não que eu precise me preocupar com isso ! >_>
-- Oras ! >_>

O velho ri e volta a se encosta contra a mesa.

*Kaito/Mizuakge
-- E você então tem uma... queda por nukennins é ?
-- Eu sabia !
-- Sempre achei aquela história com a capitã do navio esquisita... e.e


*Konoha*


*Velho ANBU
-- Akatsuki em kiri ?
-- Meu Deus...
-- Essa gente não tem limites...
Yuuko chama a atenção dos ANBUs na sala. Ao vê-la, o recepcionsita fica bem surpreso.

*Recepcionista
-- Hãn !?
-- Você aqui ?
*ANBU 1
-- Quem é essa ?
*Recepcionista
-- Ah... só uma amiga...
-- Achei que você estava... hã... ocupada
-- Você não faz ideia do que aconteceu
-- Alguém invadiu o prédio
-- Entraram na sala dos arquivos lá embaixo
-- E tentaram sair daqui com evidências rubadas
*Velho ANBU
-- ...
-- Como foi que isso aconteceu ?
*ANBU 1
-- A prioridade
-- Não sabemos ainda
-- No momento é garantir que não vão fugir da cidade
-- Tudo acaboud e acontecer
-- Estamos ainda tentando descobrir o que estava acontecendo
-- Não sabemos quem foi ou exatamentoe o que queriam ainda
*ANBU 2
-- Nós achamos uma caixa lá embaixo
-- Supostamente o que estavam querendo roubar
*Recepcionista
-- Eu fui um atropelado por...hãn...um monte de invocações >.>
-- Um grupo de leões que vieram para cima de mim do nada !
-- Mas consegui impedir que o ladrão levasse o que queria !
-- "Um certo par de fitas"
-- Elas já devem estar em segurança...
*Recepcionista
-- Yo !
-- Vocês se esbarraram no caminho foi ?
-- Tiveram um bom passeio ?
Os gatos vão correndo até o recepcionista e sobem nele. Um dos gatos esfrega sua testa na dele e o outro se deita em cima da barriga do ninja.
*Recepcionista
-- Hahá ! que beleza !
*ANBU 1
-- Essa situação é uma absurdo
-- Eu vou votlar lá para baixo e ver como o outro está
*ANBU 2
-- Eu acho que vou precisar te levar para um hospital... (Falava com o rcepcionista)
-- Você cosnegue levantar daí ?
*Recepcionista
-- Não t_t
-- Meu sacrifício foi caro demais ! T_T
-- Eu provavelmente terei de tirar uma testado
-- E retornar para a solidão da minha casa !
-- Quem sabe por uma semana
-- Para que me recupere totalmente de meus terríveis ferimentos T_T
-- Infelizmente terei de deixar o balcão na mão de vocês, companheiros T_T

*Velho ANBU
-- Oras !
-- Você só tem uns arranhões aí !
-- Não hoje que vai escapulir do serviço não
*Recepcionista
-- ... t_t
-- Merda... t_t
*Velho ANBU
-- Pode deixar o chorão com a gente
*ANBU 2
-- Certo...
*Recepcionista
-- Estraga prazeres... E_E


*Prisão*



Na prisão, o grupo todo se volta para o som que estava ecoando do lado de fora da sala. Yuuko sai pela porta aberta em passos lentos até o corredor outra vez.
Com as luzes acesas era possível ver melhor à distância. Assim como ver melhor a área superior do corredor e as passarelas.
O rastro preto no chão havia sumido. Não por completo, pois ainda era possível ver uma parte dele mais à frente. Parecia ter se retraído. Havia uma concentração daquela substância numa parede do outro lado da primeira grade arrebentada no corredor. Olhando com mais atenção, se via que aquilo estava escorrendo por todas as paredes do corredor após a grade. Perto dela havia um conjunto de lâmpadas no teto. Elas estouram. Os fragmentos de vidro se espalham no chão do corredor. E aquela seção do caminho volta a ficar no escuro.
O trio escuta o mesmo som que havia chamado a atenção outra vez. Mas estava se distanciando do trio. Ele vinha do teto. O sharingan de Yuuko podia ver uma concentração de chakra dentro do teto onde a luz havia estourado. Era algo bem sutil, mas estava lá, se afastando deles. Após a segunda grade arregaçada no corredor havia outro conjunto de lâmpadas. Elas estouram logo em seguida. O corredor estava sengo apagado uma lâmpada por vez. Exceto pela área onde o grupo estava.
Na sala de segurança os monitores continuavam ligados fazendo barulho de estática. O monitor que estava quebrado, com o esqueleto enfiado de cabeça dentro, estava faiscando. A roupa do esqueleto começa a pegar fogo. O brilho das faíscas chamam a atenção fazendo com que o grupo olhe para o lado. Ao fazer isso Yuuko vê algo pingar nos cabelos de Ibuki. O fluído preto. Outro pingo cai do teto direto no chão entre ela e Yuuko.
Ao olhar para cima, Yuuko vê aquele mesmo foco de chakra que havia mais longe dali. Era um idêntico. Estava num canto escuro do teto acima da entrada da sala de segurança. Do lado de dentro do teto. Não havia nenhum movimento, mas o fluido preto estava escorrendo pelo teto e as paredes ao redor daquilo.  


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 9/5/2017, 10:31 pm

*Kiri

O clone não se aguenta e acabava rindo das reações de Kaito, era bom para o pobre coitado que recebeu tanta informação ruim de uma vez. A situação parecia estar normal, embora o clone se vê um pouco nostalgico com Aika e Aô.

Clone
-- Só vou acreditar que ele esta morto.
-- Quando ver seu corpo.
-- Até lá, continuo esquentando a cadeira.
-- E quanto a Nukennin... hehe
-- Ela esta um pouco fora do meu alcance.
-- Vivemos em mundos diferente.
-- Mas admito que gosto de brincar de cão e gato hehe

O clone se dirige ate a porta e a abre, mas antes de sair, se vira para Kaito mais uma vez.

Clone
-- Só mais uma coisa.
-- A Akatsuki estava disfarçada...
-- Como alguém da equipe do evento.
-- Acho que seria bom checar e avisar as demais vilas.
-- Para não receber esses eventos por hora.
-- Irei falar com o Uzumaki e irei para casa.
-- Ate clones precisam de descanso. T_T
-- E você, cuida bem desse seu coração.
-- Velhote!

O clone ria e saia correndo, indo para o segundo andar a procura do Uzumaki.


*Konoha

O clone continuava quieto apenas escutando o que tinham ate agora, para seu alivio, não sabiam quem havia roubado as fitas e nem de que caso eram, para o recepcionista, elas estavam com Ibuse e provavelmente era melhor deixar assim por hora. O clone contem a risada ao ver o teatro do Recepcionista ao querer uma folga do trabalho, infelizmente negada.

Clone
-- Pare de drama. hehe
-- Deixe seus colegas trabalharem.

O clone esperava os Anbus se afastarem para poder falar melhor, provavelmente perguntas seriam feitas aos gatos, mas o clone tinha ideia a quem devia culpar, embora não fosse a melhor das ideias.

Clone
-- Eu tenho uma queda por gatos. hehe
-- E não é todo dia que uma dupla salta os telhados..
-- Chamando a atenção por carregar fitas. ¬¬'
-- Estava perambulando por ai, quando os vi.
-- Eu ainda estou com o sentinela...
-- Só fiquei em Konoha, devido a uma visita surpresa da Akatsuki.
-- Ela sabe que vi as fitas...
-- E ela tem um... estranho interesse em Konoha.
-- Acho que é por causa do que aconteceu aqui.
-- Eu não duvidaria que fosse ela.. quem veio pegar as fitas.
-- Seus amigos... vão checar essa historia a fundo.
-- Devo me preocupar, por acabarem sabendo demais?

O clone tentava por a culpa do acontecido, na Akatsuki por hora, enquanto esperava pela reação dos demais.


*Prisão

"Algo não nos quer aqui...."

A medida que eu avançava no corredor, notava que o rastro no chão, praticamente havia saido, porem ainda havia algum na parede. Infelizmente não tinha como ficar alivida, ao olhar mais atentamente para a grade, dava para ver que a substancia estava saindo das paredes e não ia demorar muito para tomar conta do lugar. Mais uma vez o barulho volta a ecoa e consigo ver algo se afastar, mas não dava para seguir, pois o corredor estava ficando um breu novamente, dava para escutar as lampadas serem destruidas a medida que... algo ia se afastando. Minha atenção se volta para as faiscas e um pequeno foco de incendio que estava acontecendo nas roupas do cadaver, ate notar algo no cabelo de Ibuki.

Yuuko
-- Hey anjo...
-- Não se mova.

Ia tentar tocar aquilo para ver o que era exatamente e tentaria tomar cuidado para não perder os dedos se fosse um acido. Olhava em volta e via mais um foco de chakra, igual ao que se afastou. Olhava para o fluido e para as paredes, nosso tempo ali estava curto e não dava para seguir adiante.

Yuuko
-- Acho que alguém não nos quer aqui.
-- Será mais facil ver as fitas em Konoha.
-- Anjo, poderia as pegar para nós?
-- Já que pode guardar no pergaminho....
-- Querem seguir em frente ou dar meia volta?
-- Tenham em mente que poderemos não voltar.

Enquanto esperava os dois, criava 4 clones de sombras, uma dupla iria subir as escadas que davam acesso as passarelas cujo havia varios corpos no parapeito. Enquanto a outra dupla, simplesmente iria seguir na bifurcação com todo o cuidado, cada um iria tentar ir para um lado, aquele que fosse para onde estava a pilha de corpos, tentaria os escalar para atravessar, mesmo que desse certo nervoso.


Kage Bunshin no Jutsu (Jutsu dos Clones da Sombra)
Descrição: Jutsu que permite que o usuário crie réplicas de si mesmo. Diferente de uma clonagem normal, a técnica cria clones reais do usuário, portanto, eles possuem seu próprio fluxo de Chakra, e podem usar técnicas independetes do usuário. É um jutsu muito difícil para pessoas que não controlam bem o seu Chakra, já que o usuário tem que dividir igualmente a sua energia entre os diferentes clones que cria. Uma característica única dessa técnica, é que todas as experiências vivenciadas pelos Kage Bunshins são passadas ao utilizador quando os Clones forem destruídos, servindo então para espionagem.
Dano: +10 Dano por Clone
Custo: 10 Chakra para cada 10 Clones
Duração: Até serem destruídos ou desfeitos
Limite: 100 Clones


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 12/5/2017, 1:27 am

****Kiri****

*Mizukage
E____E

Yuuko dispara pelas escadarias após provocar o kage da porta. Enquanto ela descia ela escuta o eco da voz de Kaito pelo corredor.
*Mizukage
-- Ora sua...  E____E
-- Eu não sou velho !
-- Eu sou experiente !

Yuuko continua a correr rindo, já não escutando mais o que ele estava reclamando. Ela chega até o segundo andar da torre e entra pelo corredor onde desembocava a escadaria em espiral.
Haviam vários ninjas cada um em seus cubículos. Os cubículos eram abertos, tinham apenas as mesas, os pertences dos donos e os próprios trabalhando cada um na sua. Havia uma janela ao centro do salão. Ao lado dela havia um quadro engro e um dos ninjas com sua mesa. O quadro estava cheio de rabiscos de selos e a mesa tinha vários outros estampados em diferentes papéis e pergaminhos abertos e bagunçados. Cada mesa na sala tinha uma plaquinha com o nome do funcionário. O ninja naquela mesa estava sentado em cima do encosto da própria cadeira, com seus pés apoiados no assento. Ele segurava uma caneta com a mão, e ficava a balançando enquanto seu olhar estava voltado para o quadro. ELe parecia pensativo enquanto fitava os rabiscos. Sobre a mesa Havia uma plaqueta com o nome Yoki Uzumaki.




****Konoha****

Em konoha o clone escutava as conversas dos ANBUs e a explicação do recepcionista. Yuuko espera os dois ANBUs desconhecidos se afastarem dali para conversar com seus aliados. O recepcionista fica fazendo carinho no gato que estava sentado nele enquanto Yuuko tentava dar explicações passandoa culpa do ocorrido apra a Akatsuki.
*Recepcionista
-- Sério gente ?
-- Vocês não sabem ser discretos ?
Dizia olhando apra os gatos.
*Gato 1
-- Hã...
*Gato 2
-- Hmmmm....
*Gato 2
-- Meow... ?
*Recepcionista
-- Hunf... ¬¬
-- As fitas estão seguras pelo menos
-- ...certo ?
*Gato 1
-- Hai !
*Gato 2
-- Sim !
*Recepcionista
-- Ufa...
-- Então não temos com o que nos preocupar
-- Ninguém vai saber do nosso caso
-- Eu espero...
-- Mas as fias vão estar fora de alcance por enquanto
-- Então ninguém vai descobrir nada importante sobre isso...
*Recepcionista
-- Mas que história é essa de Akatsuki ?
-- O que aconteceu ?
*Velho ANBU
-- Se ela está em Konoha nós precisávamos fazer alguma coisa...
*Recepcionista
-- Drogadrogadroga !
-- Se foi ela então precisamos sair daqui correndo !
-- Ela pode ir atraz de Ibuse !
*Velho ANBU
-- Foi pra lá que você mandou as fitas... ?
*Gato 1
-- Hai !
-- Era o melhor que tinha
-- E o melhor que deu pra pensar...
*Recepcionista
-- Mas se seguiram so gatos então ela já deve estar lá !
-- Temos que ir antes que aconteça alguma coisa !
*Gato 1
-- Eu não acho que fomos seguidos
*Gato 2
-- É, não vimos ninguém
*Recepcionista
-- Não quer dizer que ninguém viu vocês... (Ele olha rapidamente para Yuuko antes de se voltar para os gatos)
-- ...não é ? ¬¬
*Gato 1
-- Hã...
*Gato 2
-- Meow... ?


****Prisão****



Yuuko fala para Ibuki para de se mover e ela congela. O sentinela se vira para ver o que era e vê Yuuko botando o dedo na substância preta gosmenta. Não era um ácido mas sim algo viscoso e grudentro. Parecia uma amoeba e ficava grudada no dedo até ser solta e começar a escorrer para baixo. Aqulo tinha um cheiro quase plástico, e parecia tão elastico quanto uma amoeba de verdade.
Ibuki se vira para ver a gosma e outra gota cai do teto na frente dela, atingindo o braço. Ibuki toca a substância apra ver também enquanto Yuuko discutia o que fazer. Ao pedir para pegar as fitas a boneca bate continência, fazendo a gosma grudar na testa. Enquanto ela batia aquilo para fora do rosto o sentinela pegava uma das gotas que tinha pingado no chão para ver também e Yuuko questionava se queriam ir em frente. Ela cria 4 clones e manda uma dupla para as escadas enqunto a outra dupla ia até a bifurcação e a pilha de cadáveres.

*Sentinela
-- Nossa, precisava botar nesses termos...? t_t
-- Mas vamos em frente...
-- Agora que já chegamos aqui vocês vão querer dar meia volta ?

Ibuki ao invez de repsponder apenas se vira e entra na sala de segurança antes que o fogo estragasse tudo. Yuuko pode notar que euqndo ela se aproxima o foco de chakra que havia no canto do teto recua. Ibuki puxa o cadáver para fora do monitor, fazendo a tela cair junto dele no chão e vários fios serem puxados.
Ibuki não fazia ideia do que pegar então ela apenas abre um pergaminho no chão, pega os aparelhos VHS, ergue o armário das fitas, e coloca tudo em cima do pergaminho para selar lá dentro.
Antes de guardar o pergaminho ela sobe numa mesa para pegar a caÂmera do teto. E também pega a câmera quebrada com o carregador.

*Sentinela
-- Ela... é bem forte hein... õ_o

Comentava surpreso com a boneca tirar o armário do chão com facilidade. Os clones que estavam subindo as escadas até as passarelas chegam no teto da sala de segurança.
O foco de chakra que havia no canto e havia recuado sai de perto deles, passando por dentro da parede até ir para o corredor que havia se tornado escuro.
As passarelas conectavam-se entre si formando um pseudo-andar superior para o laboratório. Lá em cima estavam as celas daquela área da prisão. As grades estavam todas fechadas e bem trancadas. Embora escuro, ainda era possível ver o que havia dentro pois a luz aonde Yuuko e os companheiros estavam não tinha sido cortada. As celas todas tinham prisioneiros dentro delas ainda. Várias delas estavam com as barras amassadas, quebradas ou tortas. Mas nenhuma estava aberta. Alguns dos esqueletos estavam caídos sentados junto às suas portas. Um deles havia morrido com o braço estendido para fora, como se quizesse sair.
Havia um único guarda ans passarelas. Ele estava caído por cima do parapeito. Seu colete tinha um corte que passava pelas costas e saia pela barriga. Seu crachá estava pendurado na cintura.
Ele era um ninja de Kirigakure.

Os clones no andar debaixo. tentam passar pela pilha de corpos e alcançar as portas de metal. Os esqueletos velhos desabam por baixo deles fazendo um monte dd ossos antigos se quebrarem e espalhar poeira. Os clones rolam até as portas e as abrem ao rolarem por elas.
O primeiro clone passa reto pelas portas e cai deitado no meio de um corredor. O outro cai pouco depois da porta.
ELe pode ver o esqueleto de um doutor que estava atraz da porta. Sua mão estava por cima de ma tranca de metal grossa. DEvia estar segurando a porta antes de morrer sendo fincado nela por dentro.  
ELe havia sido ficnado na porta com o que parecia ser um suporte para soro fisiológico quebrado. A ponta do suporte estava caída no chão, com um saco de soro ainda fincado nela.
O saco tinha um fluido preto dentro dele.

O seugndo clone que rolou mais apra dentro para no meio do corredor. Haviam três portas. No fundo do corredor havia uma porta semi-aberta que dava numa sala escura. O clone pode ver um rastro de sangue e tinta roxa seguirem em paralelo até aquela sala. O de sangue parecia estar sendo arrastado no chão pela grossura e a forma como era a mancha.
A sala para a direita tinha também um rastro de apenas gotas de tinta respingadas pelo chão. Ela estava aberta. E uma das luzes estava acesa já que o andar havia sido ligado pelo grupo.




A sala tinha várias máquinas, tanques e encanamento velhos. O ponto de destaque da sala era onde estava a lâmpada, que piscava como se estivesse a ponto de queimar. Havia um esqueleto de um doutor pendurado ali. Com vários tubos diferentes fincados em várias aprtes do corpo. Ele estava preso a uma parede de pé com os braços erguidos. Haviam câmeras pelo dteto da sala votladas para ele. O jaleco que um dia foi rranco do esqueleto estava todo manchado de sangue e tintas vermelha e roxa. Seu crachá inha caído com a face no chão.

À esquerda do clone tinha um par de portas duplas de metal com a mancha de uma poça de sangue seco abaixo delas sujando o chão do corredor. À esquerda dele tinha um par de portas duplas de metal com a mancha de uma poça de sangue seco abaixo delas sujando o chão do corredor. As luzes daquela sala também haviam parcialmente se acendido.




Havia um esqueleto, outro de jaleco branco, sobre uma maca ao lado de uma mesa pequena. A sala não era grande, e estava em péssimo estado em comparação com as outras, que já estavam ruins. Tubos passavam pelo chão com tapetes de borracha pretos e manchados.
Aquela sala tinha uma mancha de uma cor até agora inédita. Espiando mais perto da janela se via uma pia à direita da sala onde ahviam alguns instrumentos cirurgicos ao lado de uma máquina.
Instrumentos manchados de azul.

Os clones nas apssarelas acima do coredor principal do laboratório tinha iluminação os uficiente apra perambular por apenas uma parte do andar antes de estarem adentrando no escuro. Os focos de chakra que estavam em algum lugar dentro das paredes continuavam distantes, esceto pelo que estava ainda se retirando dali. Onde estava escuro o primeiro clone cosnegue ver aquele fluido preto nas paredes. Não era fácil de enxergar pela cor, mas dava para ver um pouco do reflexo da pouca luz que havia sobre a superfície da parede. O foco de chakra "fugitivo" passa ao lado dele no caminho para o fundo do corredor. O clone não consegue avançar mais dentro do escuro pois ele desaparece.

Ele não se desfaz. Não sente dor, não sente nada.
Apenas desaparece da vista de Yuuko e o segundo clone lá em cima.

As memórias do clone voltam apenas alguns segundos depois. Yuuko pode sentir, mas elas estavam vazias. O segundo clone ainda estava lá em cima.

IBuki volta apra junto do grupo com os pergaminhos e as fitas. Um pouco de gosma ainda estava pingando do teto então ela veste o chapéu do ottokage pra não cair mais nada nela. Mas o fluido estava parando já de escorrer das paredes naquela área onde o trio estava. O foco de chakra que estava saindo dali desce até estar no meio do corredor entre as grades. Estava no escuro total. O foco fica parado lá, no meio do corredor, no meio do caminho o bloqueando. Ele tinha o tamanho médio de uma pessoa e se ouvia o somd e algo raspando no chão aonde aquilo estava constantemente.


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 13/5/2017, 2:47 am

*Kiri

O clone depois de implicar com Kaito, desce as escadas em espiral ate o segundo andar indo atrás do Uzumaki. Ele entra onde deveria estar o ninja, e via que cada um tinha seu próprio lugarzinho de trabalho. O clone ficava tão surpreso com a simplicidade que, fazia sua sala parecer um local mais confortavel. O clone ia andando ate ver uma janela e alguém ao lado dela, mas o que chamava a atenção era o quadro negro cheio de rabiscos e um ninja concentrado olhando para aquilo. O clone chegava devagar e via o nome na placa.

Clone
-- Com licença... Uzumaki Yoki?
-- Eu preciso de sua ajuda.
-- O senhor estar muito ocupado?


*Konoha

"Esses gatos são umas pestes..."

O clone ficava quieto apenas observando, as coisas estavam saindo de seu controle mais uma vez, agora estavam preocupados com Ibuse que poderia receber uma visita da Akatsuki, mal sabiam que já tinha recebido há anos, assim como eles. O clone mantinha seu olhar para o recepcionista, mesmo após os gatos terem falado demais. O clone respira fundo e coça a cabeça, estava em uma saia justa e tinha que falar com muito cuidado.

Clone
-- Ibuse esta bem. Ninguém vai incomoda-lo.
-- Seus gatos são.. bons em despitar.
-- Mas sou melhor em seguir sem ser notada.
-- Comentei com o velho aqui, que eu tinha conhecido um velho bacana.
-- Segui seus gatos ate a casa de Ibuse.
-- E batemos um longo papo...
-- Descobri que vocês receberam a Akatsuki bem debaixo de seus narizes...
-- Lembram-se da ajudante de Ibuse? Que ficou molhada de café...?
-- Ibuse nunca teve uma e aquela foi a primeira vez que ele a viu...
-- Se lembram o que eu disse que costume a Akatsuki tem...? (referia-se ao café)
-- O que nós dois conversamos não era nada além do que um já sabia.
-- Só confirmou muitas coisas.
-- Aquele homem esta... traumatizado por algo...
-- Não quis o forçar a dizer o que.
-- Mas... para ter a certeza que esta seguro.
-- Peguei com a sua permissão. As fitas.
-- E irão comigo para Kiri.
-- Akatsuki esta indo e vindo demais...
-- E.. eu não vou ver mais ninguém ligado a mim...
-- Morrer por causa deste caso.
-- Aquela mulher... controlou um clone que estava em Kiri.
-- Simplesmente o tirou do controle da dona.
-- Não quero imaginar o que mais ela pode fazer.


*Prisão

Ibuki me arrancava uma risada por causa da gosma na testa, mas infelizmente o momento de descontração era pequeno. Antes que eu pudesse responder ao guarda, ficava olhando o que Ibuki estava fazendo, nem tinha me tocado que tudo ali poderia pegar fogo. Ibuki com sua delicadeza retirava o corpo do homem e pegava tudo o que podia, chamando bastante atenção.

Yuuko
-- Er... trei... treinos.
-- De taijutsus!
-- Ela usa muitos pesos.
-- Então é bem fortinha.

Enquanto isso os clones estavam a se aventurar pelo andar de cima, não era o lugar mais divertido. Estavam na passarela que praticamente formavam um andar com celas trancadas, havia prisioneiros dentro delas, todos mortos... as grades estavam tortas, quebradas e amassadas, mas nenhuma aberta. Os clones se deparavam com cadavares e ficavam olhando, principalmente para o de kiri. Eles seguem ate onde dava devido a iluminação, um dos clones avistava algo e explode na hora (muito informação, to pulando t.t) deixando o segundo sem entender nada, ele olhava para os lados tentando achar o que tinha explodido o clone, na sua mão uma esfera de luz surge para iluminar a outra parte do andar, tentar ao menos. O clone não sabia o que fazer fora procurar o foco de chakra que estava se afastando e destruido o clone.


O segundo par de clones estava se divertindo ainda mais com a pilha de corpos, tanto que chegavam a rolar para dentro da bifurcação, os clones acham corpos em estados similares aos que os outros haviam encontrado, cadaveres em posições de fuga antes de morrer, estavam fugindo de algo e o rastro de tinta pelo chão era a unica pista que tinham encontrado por agora. Haviam três portas para se seguir e os clones se dividem para entrar em cada uma, o primeiro ia para a sala cujo tinha um homem preso a varios canos na parede com cameras apontadas para ele, o clone olhava atentamente para as maquinas para ver se alguma ainda funcionava ou se havia alguma instrução para o que serviam, ele ia se aproximar para ver o corpo do homem e pegar seu crachá para ver quem era.


O outro clone seguia para a porta a esquerda onde tinha uma poça de sangue seco, entrava bem devagar e olhava em volta para ver se não havia algo escondido ou alguma gosma caindo de algum lugar. O clone ia chegar bem perto do corpo que estava ali para o examinar, mas sua atenção seria voltava para os istrumentos que estavam manchados de azuis, o clone ia dar uma volta naquela sala para tentar encontrar uma pista do que poderia ter acontecido a filha da Akatsuki. Para nós que ficamos no corredor, esperavamos Ibuki volta, enquanto isso recebia estranhas memorias do clone, explodiu sem sentir nada, estava vazio... começava a pensar que algo assim tinha acontecido aos funcionarios e prisioneiros, mas não tinha tempo para poder continuar com o raciocinar pois o foco de chakra estava no corredor entre as grades. Olhava para Ibuki, não dava para não rir dela usando aquele chapeu.


Yuuko
-- Tem uma fonte de chakra.
-- Bem ali...

Apontava para eles saberem onde a fonte estava e sem perder tempo, avançava em direção a fonte com uma esfera de luz na mão, enquanto a outra carregava o martelo na frente no corpo.


Hakra no Hikari (Luz de Chakra)
Descrição: Técnica simples em que o Shinobi concentra Chakra na palma de sua mão para formar uma pequena esfera de energia, que pode ser utilizada como uma lanterna.
Custo: 5 Chakra
Causa: =/=
Duração: Até ser desfeito


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 14/5/2017, 3:04 am

*Kiri*


O clone se aproxima do uzumaki para pedir ajuda. O homem continuava olhando para a frente sem responder por um momento. Ele então balança a cabeça e se volta para Yuuko. Ele continuava sentado de forma esquisita an cadeira e continuava a balançar a caneta ems eus dedos.
*Yoki
-- Hãn ?
-- Ah, desculpe, eu estava pensando...
-- Preciso me desfocar um pouco...
-- O que você quer ?


*Konoha*


*Recepcionista
-- Você está com elas então ?
-- Ora vocês dois... ¬¬ (Diz olhando para os gatos)
-- Estão me enrolando é ? ¬¬
Ele olhava feio para os gatos, que abaixavam as orelinhas e o encaravamd evotla com um olahr de cortar o coração. Logo fazendo o recepcionista se arrepender.

*Recepcionista
-- t_t
-- Estão perdoados... t_t
*ANBU
-- Espera...
-- Você quer dizer então que aquela mulher era a akatsuki ?
-- Oh Deus...
-- Isso é mau...
*Recepcionista
-- Nós falamos com uma akatsuki e nem sabíamos
-- Cara... a gente podia ter morrido...
-- Droga cara... eu lutei com ela a pouco no corredor...
-- Eu salvei as fitas...
*Recepcionista
-- Ai não... eu vou morrer...
*ANBU
-- Eu já vi ela pela rua
-- Várias vezes
-- Isso explica como entraram aqui tão fácil
*Recepcionista
-- Acho estou começando a passar mal de verdade...
*Recepcionista
-- Mas por que vir aqui só agora ?
-- Por que hoje ?
*ANBU
-- Eu não sei
-- Pode estar querendo nos atrapalhar
-- Devemos estar chegando a alguma coisa...
-- Essa história está começando a ficar perigosa...
-- Muito...
*Recepcionista
-- Você acha que essas evidências vão estar mais seguras em kiri ?
-- Se ela até já esteve lá
-- Não me parece um lugar seguro
*ANBU
-- Aqui também já não estão mais...
*Recepcionista
-- Não diz isso... t_t


*Prisão*



Os clones de Yuuko continuavam explorando tanto nas salas após a bifurcação quanto nas passarelas.
Os dois que haviam virado na bifurcação entram cada um em uma sala. Eram 2 clones apra três salas. O primeiro vai para a da direita e o segundo para a da esquerda.

O que entra à direita se aproxima do cadáver que estava preso na aprede com os cabos e tubos fincados nele. O clone pega o crachá caído no chão e vê outra identidade de Kirigakure. Era um Doutor em Biologia. Seu esqueleto estava firmemente preso de pé na parede. Os tubos que estavam nele eram de silicone transparente, mas estavam amarelados por serem velhos. A ponta e toda a parte dos tubos que estava para o lado de dentro do esqueleto estava manchada de sangue velho.
A sala tinha algumas placas com instruções, mas muito difícil de decifrar sem conhecer os aparelhos devido à quantidade de termos técnicos. Havia uma relação dos funcionários responsáveis pela sala e autorizados a operar os aparelhos. O nome no crachá estava naquela lista. O esqueleto nas máquinas era do responsável por aquele setor junto a outros dois doutores.

O maquinário parecia muito velho para estar funcionando ainda. A luz que iluminava o cadáver estava tão velha quanto, e piscava sem parar.
Havia um painel principal para as máquinas. Ele tinha vários respingos de tinta e vários medidores e diferentes botões giratórios com números ao redor. Se via 6 contadores diferentes. O mesmo número de tubos fincados no cadáver. Cada contador tinha uma placa de identificação com o nome de um composto químico diferente. Para o sexto composto havia um sinal de perigo estampado no botão. As máquinas estavam ligadas a tanques, que estavam na parede ligados à parte do aparelho daonde saiam os tubos que estavam no esqueleto. Cada tanque parecia corresponder a um dos compostos do painel.
Um dos tanques tinha o mesmo sinal de perigo que o último botão do painel. Aquele era o único tanque do conjunto que estava corroído. A ferrugem e o tempo não haviam lhe fazido bem. Ao se aproximar o clone sente-se mal pois aquele tanque velho tinha um pouco de fluído no fundo, do qual saia um cheiro causticante que chegava a arder no nariz.

O segundo clone que foi para a sala à esquerda tem um pouco de dificldade em abrir a porta pois estava um pouco emperrada e raspava muito no chão. Após um pouco de esforço ele consegue abrir a porta. Ela tinha uma tranca parecida com a porta do corredor, mas estava quebrada.
O clone examina o corpo que estava na maca. Ele havia sido preso por amarras de couro nos pés e nas mãos. Era o corpo de outro doutor. O crachá mostrava que ele era de Ottgakure. O nome era o mesmo que o do segundo responsável por aquele setor, de acordo com as informações da outra sala.
O esqueleto estava cheio de cortes e faltavam-lhe algumas costelas. O clone continua a explorar a sala. Havia uma mesinha próxima à maca coma s tomografias de um tórax e um fígado.
Eram duas pias. Numa haviam alguns instrumentos manchados de azul. Dentre eles alguns bisturis, uma pinça e um afastador. Fora outros menores.
A segunda pia estava bem suja. O que faltava do esqueleto estava lá dentro. Havia um único instrumento jogado ali. Que Yuuko já havia visto antes em outra situação.




Yuuko e a equipe estavam no início do corredor principal ainda. Depois de rir do novo chapéu de Ibuki e pôr um sorriso no rosto dela a Uchiha avisa os dois que havia lago no corredor. Yuuko pega seu martelo e ergue a mão fazendo luz. O sentinela também ergue sua mão para ajudar a iluminar enquanto segurava sua corrente na outra.
Assim que se aproximam do primeiro portão de grades destruído do corredor o foco de chakra começa a reucuar. Cada passo para a frente fazia o foco ir um pouco amais para traz. O clone nas apssarelas também acende uma luz, o que iria revelar de vez o que havia naquele foco de chakra.
O foco então se move muito rápido após aquela terceira luz acender. Yuuko e companhia vêem um borrão preto subindo rápido na parede e subindo na apssarela por baixo. O som de algo raspando em metal ecoa e Yuuko vê algo atingir o clone e o segurar pendurado da borda da passarela.






























































O clone se desfaz, deixando o andar das passarelas escuro outra vez. Yuuko e companhia estavam no corredor principal entre as duas grades arrebentadas. O foco de chakra continuava lá em cima. Sua coloração muda, ficando negra.  O sentinela tenta agarrar a mão que matou o clone arremessando sua corrente. O foco se move rápido mudando de passarela mas a corrente bate em algo, se prende, e ele puxa para baixo. Mas a corrente apenas atinge o chão com um monte de gosma preta nele.
Yuuko consegue receber as memórias do clone desta vez. Pouco antes de ele ser desfeito. A visão daquele chakra escuro era descofortável. Não por ser aterrorizante, mas porque dava uma sensação ruim nos olhos. Como se fosse um buraco na visão. Era algo que ela já havia visto antes uma única vez anos atraz. Quando havia topado com Rogan nas florestas de Konoha. A última visão do clone antes de ser desfeito enquanto virava-se apra ver o que havia lhe empalado vem à mente de Yuuko.





































































Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 14/5/2017, 7:46 pm

*Kiri

O clone ficava olhando para o homem, de fato era bem estranho, mas não se importava muito, já tinha visto coisas mais estranhas pela vida.

Clone
-- Desculpe atrapalhar.
-- Mas estou atras de informações sobre um selo.
-- Não sei bem se é um selo...
-- Poderia me dar papel e um lapis para mim o desenhar?

Se o clone recebesse os itens, iria tentar desenhar o selo da Akatsuki e entregar ao Uzumaki.

*Konoha

O clone em Konoha ria da cara de pau dos gatos, pois ele mesmo já havia feito aquilo diversas vezes para escapar de encrencas. Ambos estavam preocupados com a segurança das fitas, agora que sabem que a Akatsuki estava tão perto, o clone ficava um pouco mais serio, sabia que as coisas estavam chegando a um nivel que envolve-los era perigoso.

Clone
-- Os passos dela, ninguém sabe.
-- Pode ser que soube que estavamos com as fitas.
-- Ou sempre esteve aqui, e assim como eu...
-- Usa clones.
-- Mas o fato é que aqui não é o lugar mais seguro para se manter nada.
-- Estão na mira dela, mais do que imaginei...
-- Kiri não é o lugar mais seguro... mas estranhamente.
-- Não aparece tanto lá. Não sei porque...
-- Senhores... quando o sentinela volta, vou explicar o que achamos...
-- E. Só.
-- Essa investigação para vocês termina aqui.
-- Não vou permitir que vão mais longe.
-- Não posso deixar que... ela os mate.
-- Porque... se antes ela não tinha ninguém para usar contra mim.
-- Agora ela tem 4 pessoas.

"Cinco... mas as chances dela chegar a Aika."
"São remotas."



*Prisão

Os clones estavam passeando nas salas, o primeiro via que o cracha era de um doutor, biologo. O clone não entendia muito de tecnologia, eram coisas que estavam a frente de seu conhecimento, ele apenas olhava em volta os canos ligados ao esqueleto e o painel sem muitas informações uteis, ao menos para ele. Tinha tanques com substancias, botões, contadores... cada um acionado a um botão diferente e parecia corresponder aos canos ligado no esqueleto. O clone via os tanques e tudo ligado a eles e ao esqueleto, montado com muito cuidado, já que cada material parecia ser bastante perigoso. O clone sente algo vindo do tanque que estava aberto, na verdade estava bem corroido, o odor que saia de lá er forte o bastante para poder fazer o clone se afastar por hora.

O segundo clone tinha um trabalho a mais, pois a porta estava complicada de se abrir, lá dentro ele via outro esqueleto e era de um doutor de Ottokagure, o que deixava o clone um pouco preocupado e mais certo ainda sobre a origem das instalações. Ele notava que o esqueleto estava amarrado e com certas partes do corpo faltando. O clone continuava sua busca e ia ate as pias onde estavam sujas, uma com algumas coisas manchadas de azuis, a outra com a parte do esqueleto que estava faltando junto a uma cerra de ossos que incomodava o clone... pois era o mesmo que Lynn segurava quando se viram pela primeira vez


"O que esta acontecendo?"
"O que é isso?"


Com a luzes acesas do clone, sentinela e eu, as coisas começam a ficar cada vez mais tensas, todos viam um borrão se mover muito rapido, tão rapido que acompanhar era quase impossivel, mesmo com o sharingan, ver a forma do que poderia ser aquilo, estava impossivel, apenas ouvimos o som de algo e ao notar, meu clone havia sido pego por algo...

Yuuko
-- O diabos tem aqui?
-- O que essa gente ambiciosa criou?

O clone era destruido e o sentinela age rapido, mas não tão rapido assim, sua corrente apenas acertava uma gosma. Quando pensava em fazer algo, recebia as memorias do clone, sentia a mesma sensação de desconforto quando olhei para Rogan pela primeira vez, aquela energia negra que o envolvia de fato era estranha... o clone havia visto algo e parecia ser um monstro, era a primeira vez que via algo assim, pela forma de se mover parece estar com ou apenas protegendo o seu lugar de segurança... Os clones dentro das sala davam meia volta e ficavam parados na entrada da bifurcação apenas olhando como guardas por segurança. Olhei para o sentinela e Ibuki, respirava fundo e andava um pouco mais para frente, sinalizando para ambos ficarem ali.

Yuuko
-- ...
-- Quem é você? O protetor desse lugar?
-- Sinto se estamos invadindo...
-- Só viemos atras de algumas respostas...
-- Não iremos lhe causar nenhum mal.
-- Não queremos fazer mal... pois..
-- Já fizeram isso.
-- Você consegue me entender?

Tentava falar com quem quer que fosse aquele ser, enquanto os clones estariam em posição, caso eu fosse alvo de ataque, faria selos de mão e criaria um redemoinho de fogo a minha volta para tentar me defender, enquanto os clones iriam partir para o ataque, um iria arremessar um projetil de raiton em cima de nosso oponente, enquanto o outro com seu sharingan ia tentar o colocar dentro de um gen que afeta a mente com um irritante som.


Katon - Kaen Senpuu (Estilo Fogo - Furacão de Chamas)
Descrição: Após a realização dos selos de mão, o corpo do usuário é envolvido por um redemoinho de fogo que pode ser atirado contra o oponente caso o usuário deseje atacar.
Custo: 20 Chakra
Causa: Defesa Absoluta Ou 25 Dano
Duração: 1 Turno
Limite: 1 Vez por Combate

Liberação de Relâmpago Tiro da Bomba Relâmpago
Indra flui chakra através de seu corpo e o converte em eletricidade, então ele o dispara na forma de um projétil em direção ao seu oponente.
Custo: 40 Chakra
Causa: 40 Dano
Duração: 1 Turno
Limite: 2 Vezes por Combate

Oto no Gen (Ilusão do Som)
Descrição: O oponente começa a ficar confuso, até o ponto de perder sua mente, começa a ver várias replicas do usuário e começa a ter uma dor de cabeça.
Custo: 30 Chakra
Causa: -30 Res Oponente
Duração: 1 Turno


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 15/5/2017, 1:45 am

*Kiri*

O uzumaki pega de sua mesa um papel. Ele se curva para a frente para se esticar e entregar sem sair de cima da cadeira. Na mesa havia um porta lápis que ele empurra apra ela usar. Yuuko tenta desenhar o selo da akatsuki e entregar para o homem. Enquanto ela desenhava ele ficava olhando e balançandoa  caneta na mão. Assim que Yuuko termina ela entrega o papel para ele e o Uzumaki dá uma olhada. ele analisa o desenho com uma expressão bem pensativa. A caneta perpétuamente balançava na sua mão livre.
*Uzumaki
-- Hmmm...
-- Nunca vi isso antes...
-- Não tem kanjis nem caligrafia nas fórmulas
-- Só linhas
-- Bem incomum para um selo, deixa complicado de entender o que ele faz
-- Hmmm....

Ele fica pensando mais um pouco e olha par os selos na sua parede.
*Uzumaki
-- Não...
-- Não é isso...
-- Hmmmmm...

Ele então olha pela sua mesa onde haviam alguns outros desenhos de selos.
*Uzumaki
-- Hmmm...

O uzumaki coloca o papel na mesa e troca a caneta de mão.
*Uzumaki
-- Não sei daonde vem
-- Não é uma técnica que eu conheça...
-- Se ele não tinha fórmulas ao redor então não deve ser para contenção...
*Uzumaki
-- Qual era o tamanho ?
-- Grande ?
-- Tipo, metros e metros de área ?
-- Poderia ser um selo de barreira nesse caso
-- Mas parece muito complexo pra isso...
*Uzumaki
-- Onde você viu o selo ?
-- Foi em uma pessoa ? Um objeto ? Ambos ?
-- Podia ser uma técnica para restrição
-- Algo como um Jigō Jubaku no In ou o Katon - Tenrou
-- Que também nao usa caligrafia
-- Mas esse se espalhava no corpo todo se não me engano...
-- Hmm...
*Uzumaki
-- Ou poderia ser para guardar algo como chakra como um... Ten no Juin
-- Se ele for algo relativamente pequeno
-- Esse seria um bem parecido...
-- Ou até controlar alguém como no caso de um Puppet Curse
-- Que tem a aparência de um olho com círculos
*Uzumaki
-- São vários selos que me vêem à mente mas esse em específico eu não vi antes...
-- Teria que pesquisar para descobrir
-- Mas se eu pudesse mexer nele eu poderia tentar abrir para descobrir se tem algo dentro
-- Ou poderia tentar ativar, surpimir, quebrar... enfim... testar o selo para ver o que acontece

*Konoha*


Yuuko dá um ultimato na equipe fazendo a situação ficar bem mais séria. A mesma seriedade do clone podia ser ouvida no velho ANBU. O recepcionsita ainda soava preocupado.
*Recepcionista
-- Vai nos cortar da investigação ?
-- Mesmo... ?
*ANBU
-- Nós não seríamos a ANBU se virássemos as costas quando a situação fica ameaçadora
-- Todo mundo aqui sabia que estava correndo riscos quando entrou na academia
-- E eu já prendi muita gente
-- Criminosos querendo minha cabeça devem haver aí fora aos montes...
-- Tem uma razão pra nós usarmos máscaras...
-- Inclusive aqui dentro da vila
*Recepcionista
-- Eu sou só o recepcionista...
-- Eu não uso essas coisas...
*ANBU
-- Mas você não está em risco como nós
-- Você só atende a porta
*Recepcionista
-- "Só atendo a porta" ... ¬¬
*ANBU
-- O que eu quero dizer é que você não está envolvido em caso nenhum contra ninguém
-- Você faz um trabalho de adminsitração
-- Se qualquer ninja tivesse visto ela na rua e lutado com ela ao ver a confusão
-- A situação seria a mesma que a sua
-- Só um ninja que viu e fez alguma coisa
-- Não tem como alguém saber que você está envolvido nessa investigação
*ANBU
-- Não tem como saber de nenhum de nós na verdade
-- Até mesmo quando a assistente esteve aqui
-- Ela só esteve envolvida com Ibuse
-- Mas ele era o responsável oficial por esse caso
-- Nós não estamos fazendo nada oficialmente
-- Ninguém nem devia saber que sequer há alguém investigando isso
*ANBU
-- A não ser que alguém tenha falado alguma coisa...





*Prisão*






Na prisão, os clones voltam para a porta do corredor para ficarem de guarda na bifurcação. Eles ficam posicionados próximos à pilha de corpos. Yuuko tenta se se aproximar um pouco da coisa que estava nas passarelas. ELa faz um sinal apra os dois companheiros não virem junto. Ibuki olha séria apra Yuuko, claramente não gostando daquilo. O Sentinela mantinha sua firma na mão enquanto segurava a luz com a outra. De dentro da boneca se escutam dois pequenos estalos. O sentinela olha para ela por um momento de lado. Sem ter entendido daonde aquilo veio, mas ignorando por hora. Yuuko tenta covnersar com o ser no outro andar.

A mesma garra qe matou o clone anterior desce rápido na direção da Uchiha.Instintivamente ela se protege com uma barreira de fogo que a envolve. A mão é rebatida ao atingir as chamas e os clones na vifurcação tentama tacar. Um deles olha para a fonte de chakra com o sharingan e tenta fazer um genjutsu enquanto o outro arremessa um projétil elétrico na coisa.
O clone do genjutsu faz a técnica, mas não parece acontecer nada. O segundo também consegue disparar seu raio e ele parece atingir o alvo. Gosma preta respinga do topo da passarela e respinga sobre a equipe que estava no corredor principal.

A coisa aprece ignorar os clones. E apenas salta de cima da passarela. Um monte de gosma cai por cima das chamas. O foco ia cair em cima do sentinela, que faz selos com uma mão e assopra um tufão contra a coisa. O impacto do vento faz ainda mais gosma se esparramar pelas paredes. O foco se divide em dois, também atingido as paredes logo abaixo das passarelas. Cada um para um lado. Ibuki se joga por cima deo sentinela, dando um empurrão que arremessa o sentinela pela janela da sala de segurança. O que o salva de um ataque que vem de cima de repente.
A boneca é atingida no seu lugar.






Sendo atravessada pelas costas por três espinhos pretos e gosmentos. O sentinela atravessa a vidraça e caid o outro lado o fazendo apagar a luz que estava segurando. Os espinhos se retraem até a parede onde estava uma das metades do foco. Ibuki cai no chão vazando tinta rosa pelo piso. As duas metades do foco se movem rápido pela parede estourando a luz da parede até se encontrarem no meio do corredor pouco à frente de Yuuko. O sentinela assopra ar denovo no corredor, para atingir seja lá o que houvesse naquela área. Yuuko vê o chakra do vento com o sharingan e o vê atingir o foco de chakra o partindo denovo. Os clones desviam do ataque do sentinela pulando. O foco se junta outra vez e duas garras escuras avançam em Yuuko tentando a atingir mas não atravessavam a defesa com o fogo. As agarras expandem de tamanho até englobar yuuko numa bolha e suas chamas totalmente em um total pretume, fazendo o fogo se apagar.
Ela estava totalmente englobada por gosma preta, formando uma bolha. Algo atravessa a bolha com violência, atinge Yuuko nas costas, e a agarra. Era Ibuki pulandoa travez da bolha. O impacto da investida da boneca faz as duas atravessarem a outra parede da bolha para fora e cair ao lado de seus clones em cima da pilha de corpos.
Estava tudo escuro denovo agora pois não tinha luz. O sentinela sai pela janela da sala de segurança e tenta acender sua bola de luz denovo. O inimigo se joga na direção dele rápido. Ibuki se aproxima correndo e se joga para a frente no chão desliza pelo chão para tentar alcançar o homem primeiro. O sentinela faz uma barreira de chakra fuuton impedindo que ambos cheguem nele,a ssim ficando em segurança. Ibuki se segura no chão e com um impulso das pernas se joga para traz an direção de Yuuko denovo antes que o foco, que ahvia saltado, acabasse caindo em cima dela. Ibuki rola para ficar de pé novamente ao lado de Yuuko. O sentinela estava atraz da barrerira de vento do outro lado do corredor, em frente à sla ade segurança. O inimigo se joga de corpo inteiro na barreira fazendo um grande impacto, mas não a arrebentando. Gosma respinga para os lados após a batida. Agora, estandod efrente para a luz, og rupo tinha uma oportunidade de ver o que estava os atacando.

































































Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 15/5/2017, 11:07 pm

*Kiri

O clone ficava a ver o Uzumaki quebrar a cabeça para desvendar o selo, ele falava algumas coisas em voz alta, mas o clone não entendia muito, Fuuinjutsus ainda não era bem o seu forte. O clone escutava as perguntas e as especulações, não sabia se devia falar muito, afinal ele poderia notar que o selo esta nos olhos da estatua em Kiri. O clone ficava mais serio quando o Uzumaki comentava o que poderia ser o selo e praticamente acertava em cheio o efeito que ele causava, controle de uma pessoa. O ninja queria ir mais longe e o clone ficava com receio... muita gente estava se envolvendo nessa historia, mas inelizmente ele precisava de ajuda, já que Ibuki não sabia nada além de uma marca de familia.

Clone
-- O tamanho do selo.. varia.
-- Mas geralmente é muito pequeno.
-- O bastante para para cobrir seu globo ocular. Ou do tamanho de um medalhão que cabe na mão.
-- Este selo foi usado em um de meus clones.
-- Eu perdi completamente... o controle sobre ele.
-- Só lembro de seus olhos estarem com esse selo...
-- Não sei onde você poderá o encontrar... mas quem sabe não possa criar algo assim.
-- Existe a possibilidade de... que pessoas que tenham esse selo como uma "marca"
-- Possam ser controladas?

O clone dava uma de bobo, mas a pergunta era referente a Ibuki que também possui o selo, não queria correr riscos.


*Konoha

O clone não gostava da reação da dupla, em sua mente, ele achou que fossem aceitar de primeira já que o risco de morrer estava grande. O clone respirava fundo por diversas vezes, sabia que os deixar ir longe demais é arriscado, ainda mais com Ibuki...

Clone
-- ....
-- Ninguém deve ter dito nada.
-- Acredito que tivemos apenas uma má... sorte.
-- Ela possivelmente veio ver as fitas e deve ter visto que não estavam como ela deixou.
-- É uma mulher sistematica....
-- ...
-- ...
-- Não posso os impedir de continuar.
-- Não vou usar jutsus para isso...
-- Mas entendam...
-- Nem eu com nove caudas detenho essa mulher com facilidade.
-- O que quero dizer, que hoje... poderiamos ter perdido um.
-- Não os quero na linha de frente.
-- Se for para continuarem... que seja nas investigações não oficiais.

O clone olha para trás, pensando na estatua, era demais falar que aquilo era obra da Akatsuki, mas ele queria deixar todos cientes de que essa mulher não estava de brincadeiras.

Clone
-- Vou lhes mostrar...
-- Que falo a verdade. Vamos brincar de advinhar?
-- Eu começo. ^^
-- A estatua em Konoha que esta apontada para a torre da Hokage.
-- Foi posta em um evento feminista.
-- Devem ter dito que a estatua é um anjo da guarda.
-- Deixa eu advinhar... a organizadora era uma mulher alta de poucas palavras que...
-- Que...
-- Adorava tomar café? =)


*Prisão

Na tentativa de falar com o ser, eu era atacada como imaginava, tentava me defender e atacar com os clones, mas a criatura era mais forte e esperta, passava com facilidade pelos ataques, obrigando Ibuki e o Sentinela a virem me ajudar, Ibuki me salva mais de uma vez, não sem se machucar, o que começa a despertar minha ira aos poucos. A batalha naquele estreito corredor seguia ate ficarmos separados, Ibuki e eu perto da bifurcação e e o sentinela do outro lado.

Yuuko
-- Mas que... diabos é isso?
-- Isso veio... dela?
-- Ottokage... o que você fez...

A criatura na nossa frente não tinha forma, era um monstro, não dava medo, mas era sua aparencia incomodava bastante, seu corpo não parecia ser algo facil de se pegar, logo provavelmente... teriamos que conter aquilo para que não se mova ou use o local a seu favor. Olhava para Ibuki para ver o buraco feito, não sabia se eu ia precisar usar tinta rosa para a encher de novo.

Yuuko
-- Tudo bem ai?
-- Tome cuidado, certo?
-- Isso matou todo mundo aqui...
-- Acho que foi criado com a substancias no laboratorio...
-- Vamos tentar dar um jeito nessa coisa....

Dentro aquele estreito lugar não tinha muito o que fazer e atacar em massa seria arriscado, criava 8 clones de sombras e sabia que aquilo ia ficar apertado... 2 clones sobem ate ficarem no teto daquele bifurcação enquanto 2 clones avançam em cima da criatura, esses estavam reunindo Raiton em suas mãos, eles tentariam disparar uma forte descarga eletrica na criatura para a eletrocutar, mas não passavam de um simples chamariz. Logo atras desses clones, mais dois avançavam pelas paredes laterais (não são os mesmo que estão no teto.) Esses clones estavam a fazer selos de mão para invocar cada um pilares de pedras em volta da criatura para a prisionar e disparar um poderoso raio na fera, os clones iam executar a tecnica um de cada vez, para caso um fosse destruido, haveria outro já pronto para fazer o jutsus. A intenção era deixar a criatura sem muitas rotas de fugas e facilitar a vida do sentinela. Os clones que estavam no teto, iam avançar correndo no teto carregando a mão de raiton mais uma vez, eles tentariam eletrocutar o teto, caso a criatura tentasse sair por cima. Dois clones iam se manter perto de mim e Ibuki, mais ainda de Ibuki devido aos ferimentos. Com o Sharingan estariamos atentos aos movimento e usando a espada e o martelo, tanto eu, quanto os clones iamos tentar martelar e cortar o que pudesse... com o ataque baseado em clones esperava ver o que esse ser era capaz de fazer e assim me preparar um pouco mais.


Kinobori (Andar)
Descrição: Concentrando Chakra na sola dos pés, o usuário pode subir em troncos de árvores, paredes, ou qualquer outra superfície sólida que desejar.
Causa: Pode andar em qualquer superficie sólida
Custo: 2 Chakra
Duração: =/=
Nota: Não conta como Jutsu Usado no Post

Raiton - Jibashi (Estilo Relâmpago - Assassinato Eletromagnético)
Descrição: O usuário libera das duas mãos uma poderosa descarga elétrica que eletrocuta todos nas proximidades do Shinobi.
Custo: 100 Chakra
Causa: 100 Dano
Duração: 1 Turno

Raiton - Shichuu Shibari (Estilo Relâmpago - Armadilha de Quatro Pilares)
Descrição: Após realizar os selos de mão necessários, quatro pilares de pedra emergem do solo. Os pilares de pedra cercam o inimigo e disparam um poderoso raio no alvo. O único jeito de escapar da armadilha é saindo por cima dos pilares.
Custo: 100 Chakra
Causa: 100 Dano
Duração: 1 Turno

Kage Bunshin no Jutsu (Jutsu dos Clones da Sombra)
Descrição: Jutsu que permite que o usuário crie réplicas de si mesmo. Diferente de uma clonagem normal, a técnica cria clones reais do usuário, portanto, eles possuem seu próprio fluxo de Chakra, e podem usar técnicas independetes do usuário. É um jutsu muito difícil para pessoas que não controlam bem o seu Chakra, já que o usuário tem que dividir igualmente a sua energia entre os diferentes clones que cria. Uma característica única dessa técnica, é que todas as experiências vivenciadas pelos Kage Bunshins são passadas ao utilizador quando os Clones forem destruídos, servindo então para espionagem.
Dano: +10 Dano por Clone
Custo: 10 Chakra para cada 10 Clones
Duração: Até serem destruídos ou desfeitos
Limite: 100 Clones


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 17/5/2017, 3:09 am

*Kiri*

Yuuko se faz de boba e tenta dar só o necessário de informação para descobrir mais. O Uzumaki fica pensativo e agita sua caneta um pouco mais rápido enquanto estava pensando.
*Uzumaki
-- Hmmm...
-- Isso é interessante...
-- Hmm....
-- Um selo que vai dos olhos para a pessoa...
-- Isso me lembra uma coisa um pouco fora da minha área
-- Que seria um genjutsu, Jibakugan
-- Que colocaria um selo nos olhos de alguém
-- Mas a fórmula usa caligrafia...
-- E o selo apenas aparece na vítima
-- Essa técnica é uma raridade...
-- É do nível mais alto de genjutsu...
-- Não tem como quebrar
-- A não ser com a morte...
*Uzumaki
-- Mas aí estamos saindo da minha área...
-- O mais similar visualmente que eu posso pensar seria ainda o puppet curse
-- Ou o ten no juin... e talvez o Kinkoju no Fuda
-- No puppet cursem porém, o selo não é visível, a não ser que esteja ativo e funcionando
-- Mas seu selo não pode ser nenhum deles pois a fórmula precisaria ser idêntica
-- Embora possa ser algo similar...
-- Cada um dos três selos é um pouco maior ou menor...
-- Dois servem para controlar pessoas e o último se especula que podia carregar parte de alguém
-- Mas em nenhum dos casos o selo ficaria nos olhos de uma pessoa...
-- Isso acontece no jibakugan mas eu não conheço outros casos em que isso ocorra
*Uzumaki
-- Mas, como esse é um selo diferente
-- Talvez funcione assim
-- É difícil de dizer com certeza sem analizar ele ao vivo
-- E não tenho como reproduzir...
-- Mas se um clone foi controlado por este selo
-- É possível de fato que outra pessoa marcada com o mesmo esteja sob controle do selo
-- Se ele estiver ativo...

*Konoha*

Em konoha, Yuuko respira fundo e relembra a equipe doq uanto estavam enfrentandoa lguém complicado e perigoso. Para reforçar a sua mensagem ela faz um "jogo de adivinhação". Assim que faz a última pergunta os dois ninjas se entreolham.
*ANBU
-- ...
*Recepcionista
-- ...
*ANBU
-- Meu deus do céu...
*Recepcionista
-- Era ela também ?
*ANBU
-- Só fica pior...
*Recepcionista
-- Ela está em todo lugar DDDD:
*ANBU
-- Mas... para quê uma estátua ?
*Recepcionista
-- Eu acho que estou passando mal denovo...
*ANBU
-- Tem algo naquela esculutra ?
*Recepcionista
-- Eu estou ficando enjoado...
*ANBU
-- Controle o nervosismo...
*Recepcionista
-- Não dá...
*ANBU
-- Nós estamos sendo ameaçados com aquilo... ?
*Recepcionista
-- S-será que pode ser...
-- A-algo c-como uma...
-- Bomba... ?
*ANBU
-- Eu já não faço mais ideia...
*Recepcionista
-- Eu vou sair da cidade...
*ANBU
-- Nós estamos aqui para proteger a cidade !
*Recepcionista
-- ...ugh... (O homem geme enquanto aperta a barriga)
*ANBU
-- Mas que droga...
*Recepcionista
-- Eu não quero mais saber de nada não...
*ANBU
-- É provavelmente só uma estátua
-- Está ali faz muito tempo
*Recepcionista
-- ...isso não me deixa nem um pouco mais tranquilo...
*ANBU
-- Ugh... ok garota... você quem decide...
-- Eu já não posso mais fazer nenhum trabalho de campo...
-- E esse pobre coitado não foi feito pra isso...
*Recepcionista
-- ...uuuuugh... (Ele geme outra vez)
*ANBU
-- Ele já não tinha como sair daqui de qualquer forma...

*Prisão*



Na prisão a batalha havia estourado. Yuuko não se assustava com a atrocidade na sua frente. O mais importante agora era agir. Ela olha para o estado da boneca. O ataque que tinha levado deixara um buraco que começava no peito e saia nas costas. Era possível ver atravez dela por aquilo. Ibuki parecia bem ainda assim. Ela faz um sinal de positivo com a mão e estrala seus dedos enquanto seu corpo fazia alguns estalos. O lugar onde estavam era estreito e a Uchiha aproveita do cenário para etntar conter o monstro e aliviar a pressão no sentinela. Yuuko faz um conjunto de clones que se espalham em pares. Clones no teto reúnem raiton nas suas mãos para dar uma descarga de energia na criatura.

A eletricidade passa por ela e seu "corpo" treme por inteiro fazendo respingos se espalharem.O monstro volta sua atenção para os dois esticando seu corpo gelatinoso para cima. Outros dois clones vinham pelas laterais para fazer pilares.
Ibuki aproveita as distrações para corre na direção do sentinela. Ele se joga para a frente com a perna esticada e cai no chão delizando até ele.

A criatura se estica até a massa que cosntituía seu corpo estar na altura dos clones do teto.  A massa negra tinha vários óssos e outras partes de corpos despontando para fora. Uma garra esquelética tenta pegar um dos clones e se finca no teto na frente dele. Toda a massa negra se puxa para cima até bater com velocidade contra o teto e envolver o clone. A coisa o engloba como uma bolha e fica grudada na superfície do teto.




Ela rola pelo teto e passa por cima do segundo clone o fazendo entrar para dentro de si mesma. A eletricidadde no teto a faz tremer e cair na direção do chão. Ibuki epga o sentinela e o tira dali antes que a massa negra caísse em cima dele e os pilares se fechassem. Ela o arremessa na direção de Yuuko e rola na direção de ambos girando um pergaminhoa o seu redor para um conjuntod e armas ao seu redor a protegerem da bolha conforme ia caindo sobre ela. A boneca salta do chão para fora da área dos pilares pouco antes de fecharem a criatura no corredor.
O ser se esparrama no chão e se joga com toda sua massa num dos pilares. Antes do impacto uma descarga elétrica o atinge diminuindo a força do impacto e espalhando mais gosma.  A criatura paraliza-se por um momento. Yuuko escuta uma espécie de chiado agudo paracendo um grito dsitorcido vir da coisa antes de ela perfurar um dos pilares.
Um osso coberto de gosma preta atravessa o pilar de lado a lado. A ponta sai próxima do teto, e a criatura vaza para fora do buraco com velocidade vindo na direção do grupo feito um arpão.




O sentinela cospe uma esfera de vento para a frente, dando uma abtida no monstro que o gruda no pilar. No espaço entre pilares estava vazando o resto da massa negra da criatura a fazendo se formar devagar do lado de fora. Com o sharingan Yuuko via que metade estava lá dentro ainda. A coisa se joga para fora dos pilares e gira no ar botando os ossos apra fora como uma shurken fazendo um dos clones da aprede ser atingido. Ela ia cair por cima do grupo denovo mas o sentinela  dá uma pancada com um punho de vento gigante. Desta vez a criatura se divide com o impacto, e suas duas novas emtades caem cada uma para um lado.
O resto do bixo, que estava ainda dentro da prisão de pilares, bate repetidamente bem rápido contra um dos pilares até o derrubar na direção do trio. O sentinela tenta empurrar o pilar devotla com vento, mas a coisa escorre pelas laerais do pilar e saidno e dentro da prisão. Ela estava dividida em três partes agora. Cada uma vem na direção do grupo de uma direção diferente. Ibuki puxa Yuuko e o sentinela para traz, única direção daonde o bixo não vinha, e fica na frente para bloquear o ataque esticando seu braço para frente. Ele se abre num escudo de chakra que bloqueia o impacto, mas joga Ibuki para traz. Um dos clones que estavam ali para proteger o trio é engolido na massa negra. Enquanto Ibuki caia para traz, duas garras se esticam pelas alterais para pegar o grupo pelos lados do escudo. Uma das garras acerta um talho no braço livre de Ibuki lhe dando 3 talhos paaralelos que derrubam algumas engrenagens no chão após o impacto. No mesmo movimento a garra se finca em Yuuko no ombro. A outra garra vindo mais baixo acerta um talho na coxa do sentinela o fazendo cair na pilha de esqueletos da bifurcação.
A criatura se junta numa coisa só denovo.


Ibuki caída segurava o braço estendido para a impedir de avançar o quanto podia enquanto os clones ainda tentavam defender atacando. Eles rebatem as garras com suas armas antes que continuem dando patadas, fazendo-as acertarem as paredes causando arranhões profundos na pedra. Quando a garra fincada no ombro no ombro de Yuuko é rebatida para cima ela sai deixando dois rasgos no ombro. Uma parte da massa escura se estica por cima dos clones e se abre revelando dentes que abocanham um clone inteiro. O outro assim que tenta cortar ou martelar o bixo vê sua arma afundar nele e a massa negra avançar nele e o engolir.

Yuuko e o sentinela estavam sobre a pilha de esqueletos da bifurcação. Ele estava caído sentado com um corte fundo na coxa que estava espirrando sangue. Yuuko tinha dois rasgos no ombro direito sangrando também. Ibuki estava acída sentada mantendo um braço esticado para a frente com um escudo grande de chakra para impedir que a massa negra mergulhasse nos três. Seu braço direito tinha três cortes fundos deixando suas engrenagens expostas e seu peito/costas ainda estava vazando tinta rosa.


Fuuton - Daitoppa no Jutsu (Estilo Vento - Jutsu da Devastação)
Descrição: Uma técnica relativamente simples, onde o Shinobi libera todo o seu Chakra para criar uma poderosa rajada de vento no campo de batalha. O vento pode lançar todos os adversários para longe com uma grande força.
Custo: 20 Chakra
Causa: 20 Dano
Duração: 1 Turno

Juuha Reppuu Shou (Palma Ondular da Besta Vendaval)
Descrição: A versão aprimorada do Juuha Shou, em que o usuário concentra seu Chakra Fuuton ao redor de sua mão para criar uma grande mão de aparência demoníaca com um grande poder de corte, similar a um Braço de Chakra de um Bijuu.
Custo: 50 Chakra
Causa: 50 Dano
Duração: 1 Turno

Fuuton - Shinkuudama (Liberação de Vento - Esferas de Vácuo)
Descrição: O usuário toma uma respiração profunda, em seguida exalando grandes esferas de chakra de vento capazes de destruir uma parede bem fortificada.
Custo: 20 Chakra
Causa: 20 Dano
Duração: 1 Turno


Souryuu • Kyuuheki (Armas • Esfera Destruidora)
Descrição: Uma poderosa técnica defensiva e ofensiva na qual o usuário gira um pergaminho ao seu redor, invocando dezenas de maças com correntes ligadas à esferas com espinhos. Ao invocá-las, o usuário continua rotacionando o corpo criando uma esfera de vento e maças ao redor do próprio corpo.
Necessário: Pergaminho
Custo: 50 Chakra
Causa: 50 Dano
Duração: 1 Turno

Chakra no Tate (Escudo de Chakra)
Descrição: Técnica usada por controladores de marionetes que cria uma barreira de chakra que os protege de ataques.
Custo: 20 Chakra
Causa: Defesa Absoluta
Duração: 1 turno
Limite: 1 vez por combate
Chances de acerto: 95%


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Yuuko Kanoe em 17/5/2017, 10:43 pm

*Kiri

O clone não ficava mais aliviado com o que estava ouvindo, o selo de fato era um gejutsu muito poderoso, para o clone... era um mergulho nas dores mais profundas da pessoa quem o pôs. O clone tentava manter a calma, embora o Uzumaki não soubesse a fundo do selo, suas respostas estavam se encaixando pouco a pouco.

"Mas que droga...."
"Se isso em um ser humano, da o controle..."
"O que pode fazer estando esculpida na estatua?"
"Controle... armazenamento... aaaahhh!"


O clone estava tentando não perder a cabeça, mas já sabia que aquele selo não era algo comum, procurar uma tecnica assim, rara, poderia ser bastante dificil, principalmente se estiver ligado a clãs. O clone suspira e volta a olhar para o Uzumaki.

Clone
-- Tudo o que sei, era que meu clone sentiu muitas emoções ruins...
-- De uma só vez.
-- Depois dai, bom já sabe.
-- Existe a possibilidade desse selo ser uma junção de outros?
-- Especificamente nos ultimos três que falou.
-- Eu acho que estou te dando trabalho demais.... ^^'
-- Se puder pesquisar um pouco mais sobre esse selo..
-- Eu ia agradecer e tente se discreto.
-- Fale dele apenas comigo, esta bem?


*Konoha

O clone arrancava de ambos a reação que tanto queria, claro que não estava muito feliz em fazer isso, mas era o unico modo de os fazer recuar nessa investigação antes que ficasse perigosa demais para eles. Ele respira fundo, não de alivio, mas de tensão... já que até para ele, a estatua era um misterio.


Clone
-- Sinto...
-- Mas agora sabem que eu falo a verdade.
-- A estatua esconde alguma coisa.
-- Infelizmente, ainda não sei o que...
-- Mas estou trabalhando para achar.
-- Já sinto que nada de bom vem dai...
-- Vocês dois... não quero que saiam em investigação.
-- Nem se for na cidade ao lado. ¬¬
-- Quero os três aqui, juntos.
-- Assim não correm perigo.
--Sinto que minhas vindas a Konoha ainda estão cedo de pararem....
-- Darei umas dicas de como saber que é a Akatsuki.
-- Dificilmente ela muda de forma.
-- Só quando quer algo as pressas...
-- Geralmente ela usa a aparencia de mulheres bem altas e cabelos longos.
-- Sua expressão é sempre seria, quase de desprezo.
-- Irrita-la e provocar é bem facil... basta dizer meu nome.
-- Que a voz muda. =)
-- Ela me ama muito. =)
-- Desse jeito, nunca vão cometer erros...
-- Agora preciso voltar a Kiri.
-- AH não ser que precisam de algo...
-- Eu esqueci da Garuda na entrada da vila com os guardas. ^^''

*Prisão

Yuuko
-- Quer parar de comer meus clones? ¬¬

Falava alto enquanto via meus clones entrarem em ação e serem engolidos como se fossem nada, o corpo do ser era bem estranho, uma gosma maleavel que se estica por completo, podendo ter formas interessantes, isso inclui a de uma bola que sai engolindo tudo. Ibuki age rapido e mesmo com um buraco no corpo, conseguia pegar o sentinela, enquanto os demais clones estavam fazendo o que deviam fazer. Ibuki pegava o sentinela enquanto os clones faziam um belo trabalho, mas eu já sabia que era facil demais... A gosma quebrava os pilares e mais uma vez a batalha recomeçava com o sentinela segurando tudo o que podia, a gosma era dificil de ser pega, pois a cada golpe, ela se dividia e agora estamos lidando com três criaturas.

Yuuko
-- Tio, para de cortar a gosma!
Era a vez de Ibuki salvar a equipe usando seus braços como escudo, infelizmente a gosma era mais forte do que o previsto e com garras nos atacava de formar a arrancar pedaços... Meu ombro estava sangrando devido a ferida, o sentinela já não podia fazer muito mais por causa da perna ferida e Ibuki ainda estava tentando aguentar.. era quem estava em um estado pior, ao ver ambos naquele estado, minha paciencia com a criatura se esgota e simplesmente puxava o chakra da Kyuubi para ativar seu manto, uma grossa camada de chakra vermelho agora estava em volta de meu corpo enquanto olhava fixamente para frente.

Yuuko
-- Anjo... cuide do sentinela.
-- E de um jeito nas suas feridas.
-- Kurama e eu vamos tentar... certo?


Nem esperava Ibuki responder, simplesmente ia até e pegava pela sua roupa a puxando para trás com certa força, para a fazer ir diretamente para o sentinela, enquanto eu usando o chakra da Kyuubi, daria um impulso para cima da gosma para fazer nossos corpos se chocarem e ele ser obrigado a ir para trás, a intenção era o afastar de Ibuki e o Sentinela e ter um pouco mais de liberade para lutar, já que agora meus movimentos com o manto, seriam ainda mais agressivos. Mesmo não dando certo, tentaria usar a arma para causar mais danos, com o martelo ia tentar conter qualquer avanço da gosma, principalmente dos braços que continha dentes... se visse que tentaria me morder de novo, colocaria o martelo na frente para poder impedir. Com a espada, ia tentar cortar a unica parte solida que o ser tinha, os ossos que estavam a vista, ia usar a força extra dada pelo chakra do manto para tentar martelar e cortar e ao mesmo tempo, puxar as armas para que não ficassem grudadas no corpo da criatura.

Tentaria me manter próxima o bastante da criatura para poder ter toda sua atenção, enquanto a golpeava com as armas, estaria eu reunindo chakra raiton no braço esperando uma brecha para poder para liberar todo o raiton acumulado para cima da criatura, provavelmente o raio iria passar reto sem causar muitos estragos, mas queria que o ser viesse a perder um pouco de seu corpo com os ataques. Iria tentar desviar do que pudesse, e sempre tentaria atacar, de modo a fazer a criatura perder um pouco de seu corpo, não uma quantidade grande o bastante para se regenerar em algo perigoso... tentaria recuar para me afastar enquanto tentava liberar o chakra comprimido dentro de meu corpo, em chamas em formato de espiral, em uma tentativa de manter a criatura presa ali dentro para que queimasse ate sobrar nada ou sua forma viesse a ser muito danificada.


Bijuu no Chakra (Chakra da Besta de Cauda)
Com um simples toque no chakra de seus Bijū, um Jinchūriki começa a sua transformação inicial. Eles ficam cercados por uma camada de chakra vermelho, fino concedendo-lhes uma força, velocidade e cura maior. Suplementos de chakra dos Bijū e Jinchūriki e eles são capazes de manipular o chakra até certo ponto: Utakata pode formar-lo em ondas e explosões, enquanto Naruto pode empurrar ele para fora com o punho ou emiti-lo como um rugido. Nesta forma, o corpo do Jinchūriki sofre ligeiras alterações físicas. Quando Naruto entra nesta forma, seus olhos mudam de cor e tornam-se entreabertos, além de suas unhas e os dentes caninos crescem mais e ficam mais nítidos.
Custo: 30 Chakra
Causa: +15 For/Agi/Res/Hab/+20 Dano em Jutsus
Duração: 3 Turnos

Katon - Bakufuu Ranbu (Liberação de Fogo - Dança Selvagem da Onda Explosiva)
Descrição: Uma técnica onde o Chakra comprimido dentro do corpo é convertido em fogo e expelido pela boca em uma rajada espiral de chamas que criam um vórtex que queima quem estiver dentro. O Kamui pode ser usado para ajudar na formação do Tornado, se necessário.
Custo: 100 Chakra
Causa: 100 Dano
Duração: 1 Turno

Raiton - Basuto Hankei (Estilo Relâmpago - Ataque Relâmpago)
Descrição: Uma rajada de raio sai do braço do usuário, o poder é forte e concentrado, a técnica é capaz de atravessar o corpo de alguém.
Custo: 50 Chakra
Causa: 50 Dano
Duração: 1 Turno


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Yuuko Kanoe
Jounin Especial
Jounin Especial

Kiri
Mensagens : 5701
Pontos : 6062
Data de inscrição : 14/09/2014
Idade : 25
Localização : Na sua alma

Registro Ninja
Nome: Yuuko Kanoe
Exp:
7255/10000  (7255/10000)

Ver perfil do usuário http://www.comicspace.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Zinos em 20/5/2017, 3:13 am

*Kiri*

Yuuko faz outra pergunta e e um pedido de discrição. O uzumaki arqueia uma das sombrancelhas e olha para Yuuko estranhano do um pouco.
*Uzumaki
-- ...
-- Se você quizer assim...
Ele se volta para o selo outra vez e o observa mais um pouco.
*Uzumaki
-- Hmmm...
-- Ele pode ter alguma base ou inspiração neles
-- Mas ser uma junção destes seria algo complicado...
-- O Kinkoju no fuda precisa ser aplicado diretamente no coração apra funcionar
-- O puppet curse até onde já se viu é aplicado na testa
-- São aplicações muito específicas...
-- E apesar de terem uma função de controle eles operam de forma diferente um do outro
-- Um para forçar ou impedir ações, mas sem afetar o usuário mais que isso
-- E o outro para uma manipulação total
-- O usuário seria o equivalente a um boneco sem personalidade com este
-- Ter os dois numa mesma pessoa seria inútil
*Uzumaki
-- E não há como se combinar as fórmulas de um selo com o outro
-- Mas claro que... criar algo novo nãos eria impossível
-- Só que eu não tenho como prever o quê alguma técnica alternativa e inspirada nestes selos poderia fazer
-- Fora o básico de assumir o controle de alguém...
*Uzumaki
-- Hmmm...
-- Mas alguma coisa não está fechando...
*Uzumaki
-- Me parece que você está descrevendo técnicas diferentes
-- Mais de um jutsu para ser exato
-- Você tem certeza que este selo que desenhou é o que assumiu o controle de seu clone ?
-- Eu não vou negar a possibilidade
-- Mas você está dando alguns detalhes bem específicos do Jibakugan
-- O genjutsu forma selos nos olhos da vítima
-- Assume o controle da pessoa
-- E é passado geralmente atravez do contato visual
-- A característica mais marcante do Jibakugan é o fato de manipular a vítima atravez de emoções negativas postas na pessoa
-- Por isso o nome Jibakugan (olho do suicídio)
*Uzumaki
-- Eu diria que há a posibilidade de você ter sido afetada por este genjutsu e não pelo selo
-- Mas
-- Não é impossível que se execute uma técnica através de um selo
-- É possível que um selo contenha uma técnica armazenada em seu interior
-- Um dos fuuinjutsus mais básicos e comuns entre ninjas é o Fūnyū no Jutsu (Técnica de Anexamento)
-- Que é usado para se selar um jutsu dentro de um pergaminho
-- E a técnica é executada ao abrir o selo com o pergaminho
*Uzumaki
-- Mas até que eu tenha a possíbilidade de analizar isto de verdade eu não tenho como afirmar nada
-- Estou apenas trabalhando com hipóteses
-- Eu posso pesquisar sobre ele
-- Mas hã...
-- Sem querer ser rude...
-- Mas isso é meu trabalho... então... eu teria que cobrar pelo serviço...


*Konoha*


Em Konoha Yuuko conseguia convencer seu grupo a interromper as investigações. Ambos estavam tanto preocupados quanto um tanto frustrados com aquela reviravolta no caso.
*ANBU
-- Não se preocupe...
-- Eu estou muito velho para sair e fazer trabalho de campo faz tempo...
*ANBU
-- E a ameba aí não faz esse tipo de trabalho (Diz apontando o recepcionista)
*Recepcionista
-- Ei !
*ANBU
-- O único que estava fazendo as buscas lá fora era o outro nos últimos tempos
-- Vai ter que avisar ele também...
*Recepcionista
-- Acho que... não temos mais nada o que fazer...
-- Ai cara... ugh... (O recepcionista aperta a barriga com a mão)
*ANBU
-- Deus do céu homem
-- Você quer uma água ?
-- Ou... não sei... talvez um balde ?
*Recepcionista
-- Não... eu acho que aguento...
*ANBU
-- Se acalme...
-- Não vai acontecer nada
-- O susto já passou
*Recepcionista
-- Certo...
-- ...
-- É meio frustrante acabar assim...
*ANBU
-- Eu sei...

O ANBU suspira

*ANBU
-- Não é a primeira vez que me afastam de um caso...
*Recepcionista
-- Eu acho que vou tirar aquela folga...
-- Pra valer por hoje...
-- Se ninguém se importa...
*ANBU
-- Nós ainda precisamos estar aqui para quando eles voltarem da prisão
*Recepcionista
-- Ah...
-- ...é...
*ANBU
-- Mas você pode tirar uma folga ficando atirado aí
-- Não tem problema
-- Afinal o seu trabalho é só ficar sentado olhando para a porta mesmo

Dizia para provocar o colega. O recepcionista levanta a mão mostrando o dedo do meio para o ANBU.

*Recepcionista
-- Vai se ferrar velho _l_
*ANBU
-- Hahá !

Ele se volta para Yuuko
*ANBU
-- Eu acho que não precisamos de nada...
-- Vamos esperar vocês voltarem da prisão
*Recepcionista
-- Obrigado pelas... hã... dicas...
-- Vamos tomar cuidado


*Prisão*



Yuuko não gasta tempo esperando respostas e se joga para cima do monstro com seu manto ativado para defender o time. Ibuki elvanta a mão livre fazendo um sinal de positivo  quando é agarrada pela blusa e empurrada na direção do sentinela. A superfície aberta do braço da boneca se fecha e enquanto o escudo de chakra se dissipava a Jinchuuriki alcançava "a coisa".

O impacto do corpo de Yuuko coberto com o manto da Kyuubi faz um monte de gosma espirrar pelo teto e pelas paredes. A massa negra é empurrada para traz até certo ponto, quando Yuuko a atravessa e sai pelo outro lado. Ela pega suas armas nas mãos e parte para o ataque. Golpes físicos não estavam fazendo dano, mas estavam jogando nacos de gosma para os lados.Embora cortar aquela coisa não parecesse machucar,  o machado ainda podia partir os ossos. Com um golpe direto ela parte um dos braços no meio enquanto o ser tentava atingir yuuko com um tapa das costas da mão. A metade decepada é jogada longe, quica na parede, e rola até o outro lado do corredor.

A criatura instantâneamente recua e recolhe o resto do braço para dentro de si. Ela se contorce e faz um chiado agudo de doer os ouvidos como se sentisse a dor. Yuuko mantém pressão no monstro ao se aproximar outra vez para ter a total atenção da besta. Ibuki recolhia o sentinela do chão e o segurava no seu colo enquanto o ninja estancava o sangramento com um pedaço rasgado de roupa. Yuuko golpeia outra vez a coisa com suas armas, fazendo-as afundar na massa negra e ficarem presas. Na força bruta ela puxa a arma após o golpe para não a perder e ataca denovo com o machado mirando uma costela que estava despontando para fora. Toda a parte da frente do monstro se abre botando uma bocarra para fora numa tentativa de abocanhar o braço inteiro da Uchiha. Ela rapidamente move o outro braço para prender a mordida com seu martelo. O corpo da gosma se dobra pro cima dela caindo sobre como seu corpo feito uma onda. Yuuko ergue o braço fazendo um trovão partir a onda no meio antes que a englobe. As duas metades caem cada uma de um lado de Yuuko. Ossos saem dali de dentro rápido vindo dos dois aldos. Mesmo tentando recuar apra desviar Yuuko acaba com um osso atravessadod e lado a lado numa perna, o que a faz cair no chão. A parte da massa que estava na frente da uchiha termina de se dividir propositalmente em dois para a cercar e girar ao seu redor para a cercar, deixando-a dentro dum cilindro. Costelas pontudas, dedos e dentes despontavam para, na hora de tudo se fechar sobre ela, a Uchiha ser mastigada viva dentro da bolha que estava fechando.

Uma mão gigantesca de vento bate na gosma atraz de Yuuko. A mão aberta desce de cima apra baico bem aberta espremendo um a parte da amssa no chão e abrindo um espaço para Yuuko conseguir recuar. O sentinela estava controlandoa  mão enquanto Ibuki o carregava nas costas. Ele faz dois clones que se jogam na criatura dando socos apra a frente fazendo ondas de ar a empurrarem para traz contra a parede. A criatura se mistura em si mesma e se junta denovo. Os respingos e grumos de massa que estavam nas paredes e o teto escorrriam ou pingavam. A coisa não aguarda para atacar e enquanto estava se dobrando e desdobrando ela se estica na direção do cobro, serpenteando pelo chão para pegar o primeiro clone. O clone ataca outra vez e a aprte de traz da "serpente" qua criatura tinha virado dá um bote pelo outro lado o pegando. O segundo clone tenta salvar o primeiro mas uma garra salta para fora da coisa atingindo-o no peito.

Um dos clones é empalado. E o outro devorado. A coisa abre uma boca, virada na direção do trio, e cospe uma bolha preta contra os três.




Yuuko desvia e Ibuki pula na parede segurando os entinela nas costas ainda. Durante a esquiva Yuuko sente a dor da perna fincada fazendo-a tropeçar, mas não impedindo-a de soltar um grande ataque contra o monstro. Chamas são disparadas e giram em espiral ao redor da criatura a deixando cercada. O fogo envolve o bixo por todos os lados.
A criatura se retrai fazendo seu volume diminuir. ELa se vira e desvira. Olhos dentro da massa olham para o fogo e se fecham, escondendo-se dentro da gosma negra. Ela treme. Seu corpo se agita de repente e a criatura inteira se estica numa súbita expansão botando seus dentes e suas garras fora num único rugido de fúria.























































Com um movimento violento ela se joga através do tornado para sair dele. A aprte frontal da craitura se ateia em chamas, tornando-a um perigo ainda maior para todo mundo ali. Mas ao invez de atacar ela se afasta para se dobrar por cima de si mesma e englobar as chamas de forma a afogar o fogo dentro de si própria.

Enquanto ela estava lidando com o fogo o grupoe scuta o som de algo raspando. A bolha que havia sido disparada nos três anteriormente pula para cima e gira. Ela estava no meio do grupo. Ossos saem para fora e Yuuko consegue rolar para traz apesar da dor na perna. A bolha gira fazendo cortes para tudo ao seu redor.




Ibuki, estando na parede, não tinha como desviar para traz Ela estufa o peito para deixar-se ser atingida e assim o sentinela em suas costas não reeber danos. Ibuki leva dois talhos no peito enquanto propositalmente cai da aprede para sair de perto da bolha que estava subindo com o pulo. A bolha atinge o teto e se gruda lá. Ibuki cai agaixada e sai correndo para longe da parede até alcançar Yuuko.

Yuuko estava caída no meio do corredor, de costas para o fundo. Havia um pedaço de osso da craiatura atravessado na perna da Uchiha. Seu ombro ainda doía um pouco por causa dos rasgos mas o manto do bijuu suprimia a maior parte da dor. O sentinela estava com a coxa enfaixada de forma improvisada com um pedaço rasgado da calça. Ibuki o carregava nas suas costas. Ela estava o lado da Uchiha oferecendo uma mão para ela levantar. A boneca estava com os dois talhos de antes no braço direito. O buraco no peito continuava lá, fazendo companhia aos dois novos rasgos.
A maior parte da criatura estava a 10 metros de distância se dobrando e desdobrando por cima de si mesma. Entre o trio e ela havia a bolha no teto.




Juuha Reppuu Shou (Palma Ondular da Besta Vendaval)
Descrição: A versão aprimorada do Juuha Shou, em que o usuário concentra seu Chakra Fuuton ao redor de sua mão para criar uma grande mão de aparência demoníaca com um grande poder de corte, similar a um Braço de Chakra de um Bijuu.
Custo: 50 Chakra
Causa: 50 Dano
Duração: 1 Turno

Fuuton - Senpuuken (Estilo Vento - Punho do Furacão)
Descrição: O Shinobi dá um soco no ar, e libera todo o Chakra Fuuton acumulado para criar uma poderosa onda de vento.
Custo: 50 Chakra
Causa: 50 Dano
Duração: 1 Turno

Fuuton - Kage Bunshin no Jutsu (Estilo Vento - Jutsu do Clone de Vento)
Descrição: Versão do Kage Bunshin onde o Shinobi cria clones feitos completamente de Chakra Fuuton. Quando destruídos, os clones explodem em uma rajada de vento que destrói tudo nas proximidades.
Custo: 10 Chakra cada Clone
Causa: 10 Dano cada Clone
Duração: Até serem destruídos


Leia as Regras Oficiais do Naruto Fase X e conheça as Regras Gerais.
Quer começar a jogar o Naruto Fase X? Faça sua Ficha.
De uma olha nas Temporadas e Capítulos dos NFX passados ou a temporada atual.
Se quiser fazer um pedido de parceria temos uma área de Parceria.

Para falar diretamente comigo, mande uma Mensagem Privada.

avatar
Zinos
Jounin Especial
Jounin Especial

Nukenin Iwa
Mensagens : 4506
Pontos : 6604
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 22

Registro Ninja
Nome: Takane
Exp:
9905/10000  (9905/10000)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Passeio de Yuuko - De volta a Ativa

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 7 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum